Clique e assine por apenas 5,90/mês

Novo Seat Leon é um Volkswagen Golf mais simples e sem grife

Fabricante que faz parte do Grupo Volkswagen apresenta a quarta geração do compacto Leon. Modelo parece um Golf, só que numa versão simplificada

Por Daniel Telles - 29 jan 2020, 14h27
Dianteira lembra a do Golf e também os Audi de entrada. Pudera: a espanhola Seat faz parte do Grupo Volkswagen Seat/Divulgação

A fabricante espanhola Seat, integrante do Grupo Volkswagen, lançou esta semana na Europa a quarta geração do hatch médio Leon.

O modelo será vendido por lá com múltiplas opções de matriz energética: TSI (gasolina, híbrido e híbrido plug-in); TDI (diesel) e TGI (gás natural comprimido).

A modalidade plug-in do carro é a que mais chama atenção. A junção do motor 1.4 TSI – o mesmo do VW Polo GTS – com um motor elétrico gera uma potência combinada de 204 cv.

Layout das lanternas lembra muito o aplicado pela Fiat no Argo, exceto, claro, pela barra que atravessa toda a tampa do porta-malas Seat/Divulgação

Acoplado ao conjunto motor vem o câmbio de dupla embreagem DSG da Volkswagen.

No exterior do carro, nem é necessário um olhar tão criterioso para perceber as semelhanças com o novo VW Golf. Além de dividir a mesma plataforma – MQB Evo – o Seat Leon tem traços parecidos com os do seu “primo rico”.

Perfil deixa evidente o parentesco com o Golf, com quem o novo Leon compartilha plataforma Seat/Divulgação

Na dianteira, por exemplo, os faróis estreitos e com aspecto agressivo são os mesmos do Golf.

Continua após a publicidade

O interior se parece ainda mais. Os dois hatches dividem a mesma caixa de câmbio comandada por botões (embora o Leon também ofereça versões manuais) e têm aversão a botões físicos no painel.

Cabine da versão híbrida tem duas telas integradas e câmbio com teclas, em vez de alavanca Seat/Divulgação

A central multimídia, que varia de 8,25 a 10 polegadas dependendo da versão, e o painel de instrumentos digital de 10,25 polegadas são exatamente os mesmos, tanto no hatch espanhol, quanto no alemão.

A grande cartela de itens de segurança é outro predicado importante do Seat. O modelo conta com controle de cruzeiro adaptativo e preditivo, frenagem autônoma e detector de pontos cegos.

Na Europa, o segmento de peruas ainda vive. Não à toa, a nova geração do Leon chega com a Sportstourer, versão SW do lançamento Seat/Divulgação

Além do hatch, a Seat também apresentou a versão perua do Leon.

Batizado de Leon Sportstourer, o modelo é um autêntico representante do segmento que está morrendo no Brasil, mas continua em alta na Europa.

Folgada e espaçosa, a SW tem porta-malas com 680 litros – 300 litros a mais do que o hatch Seat/Divulgação

A SW vem com as mesmas opções de motorização do hatch e difere principalmente nas dimensões. O porta-malas, por exemplo, que armazena 380 l no hatch, salta para 680 l na perua.

A apresentação oficial dos dois modelos acontecerá no Salão de Genebra, Suíça, que ocorre no princípio de março. As vendas terão início ainda no primeiro trimestre deste ano e os preços não foram divulgados.

Continua após a publicidade
Publicidade