Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Ford EcoSport sai de linha no mundo inteiro sem deixar sucessor

Além de Brasil e Índia, o SUV também deixou de ser produzido em fábrica na Romênia; unidade será responsável pelo novo Puma elétrico

Por Guilherme Fontana Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 16 mar 2022, 11h54 - Publicado em 15 mar 2022, 15h33

No início de 2021, quando a Ford anunciou o fechamento de fábricas no Brasil, o mercado brasileiro foi o primeiro a se despedir do EcoSport. Depois, foi a vez da Índia, que também encerrou atividades produtivas e, com elas, deixou de produzir o modelo. Agora, com o fim de sua produção na Romênia, o SUV compacto sai de linha globalmente e não deixa sucessor.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 9,90

A fábrica romena de Craiova foi responsável, desde 2017, pelas unidades do Ford EcoSport destinado ao continente europeu. O modelo, porém, já não ia tão bem nas lojas: em 2021 foram vendidas aproximadamente 31.000 unidades do modelo, segundo o site italiano Quattroroute.

Para efeito de comparação, o Ford Puma que é igualmente pequeno, baseado na mesma plataforma, mas é mais equipado e caro, teve mais de 130.000 exemplares vendidos no mesmo período.

Ford EcoSport
Pneu pendurado na traseira sempre foi a marca do Ford EcoSport (Divulgação/Ford)

A decisão pelo fim definitivo do Ford EcoSport não foi baseada apenas na queda de suas vendas. Isso apenas acelerou outros planos da empresa para iniciar a produção da versão elétrica do Puma na Romênia. Assim, diferentemente de Brasil e Índia, a fábrica de Craiova terá suas atividades não apenas mantidas, mas também modernizadas.

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:

O Puma totalmente elétrico ainda está em desenvolvimento e deverá ser apresentado dentro de dois anos. Suas especificações ainda são desconhecidas, mas já se sabe que ele não será produzido sobre a plataforma MEB da Volkswagen, como poderia indicar o acordo firmado em 2018 entre Ford e Volkswagen.

Ford EcoSport
Versão sem o estepe externo chegou à Europa, aos Estados Unidos e, posteriormente, ao Brasil (Divulgação/Ford)

Sem sucessor

Genuinamente brasileiro e o precursor dos SUVs compactos, o Ford EcoSport foi apresentado no Brasil em 2003, feito a partir do Fiesta de terceira geração. O estilo de “jipinho”, com direito a estepe pendurado na traseira e tração 4×4, cativou o mercado e o modelo teve altos números de vendas durante anos – até a chegada de seu primeiro concorrente direto, o Renault Duster.

Continua após a publicidade
Ford Ecosport, modelo 2006.
Ford Ecosport tinha preço inicial ao redor dos R$ 30.000 (Marco de Bari/Quatro Rodas)

Ainda destinado exclusivamente ao mercado local, o EcoSport passou por sua primeira remodelação em 2008. Quatro anos depois a segunda geração do modelo é apresentada e, assim, o SUV passa a ser exportado e produzido em outros países. Por fim, passou por uma reestilização, cujo visual durou até o seu fim.

O modelo chegou a ter um sucessor considerado e testado no Brasil usando um Ka como mula – a previsão de lançamento era para 2021. Os planos globais de reorganização da Ford, porém, fizeram com que o desenvolvimento da terceira geração do EcoSport fosse cancelado definitivamente, fazendo com que ele saísse de linha sem deixar um sucessor.

Mula com carroceria do Ka, suspensão elevada e bitola mais larga indicavam o desenvolvimento de um novo EcoSport
Mula com carroceria do Ka, suspensão elevada e bitola mais larga indicavam o desenvolvimento de um novo EcoSport (Fernando Calza/Quatro Rodas)

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

A edição 755 de QUATRO RODAS já está nas bancas!
A edição 755 de QUATRO RODAS já está nas bancas! (Arte/Quatro Rodas)
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.