Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Primeiro híbrido da Alfa Romeo, Tonale tem motor do Jeep Compass e NFT

O SUV tem o mesmo motor a combustão do Compass plug-in, porém com motor elétrico mais potente ultrapassa os 270 cv

Por João Vitor Ferreira Atualizado em 8 fev 2022, 21h24 - Publicado em 8 fev 2022, 20h05

Depois do Stelvio, lançado em 2017, a Alfa Romeo dá mais um passo no segmento dos SUVs. O Alfa Romeo Tonale foi apresentado pela primeira vez em 2019, como um conceito, e agora, em sua versão definitiva, representa o primeiro passo da montadora italiana rumo à eletrificação.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

Antes de falar da inovação elétrica, precisamos comentar o design. A Alfa Romeo não mudou quase nada do bonito projeto apresentado há três anos. Com toques clássicos, a dianteira traz os famosos “Scudetto”, como batizaram o formato da grade dos carros da marca, e o “Trilobo”, que é abertura em forma de arco no para-choque dianteiro.

Se é para falar de clássico, as rodas do Tonale são um bom exemplo da história italiana. Elas mantêm o design clássico com elementos circulares, que lembram os antigos telefones de disco.

Os faróis são de LED e estreitos, com desenho de três arcos invertidos em cada um. As luzes traseiras seguem o mesmo padrão, porém são interligadas, dando a elas um formato semelhante ao de um cardiograma. A traseira com vidro abrangente, segundo a empresa, é uma homenagem ao 8C Competizione, um dos esportivos mais bonitos da era moderna da Alfa Romeo.

Tonale tres quartos de frente
Até o momento, não foram divulgados os dados de aceleração e velocidade máxima do Tonale Divulgação/Alfa Romeo

O Alfa Romeo Tonale tem dimensões de um SUV médio. São 4,53 m de comprimento, 1,84 m de largura e 1,60 de altura, dimensões semelhantes às do “irmão” Jeep Compass. Os laços familiares entre os dois são explicados pela motorização; o trem de força híbrido plug-in do SUV da Alfa Romeo é semelhante ao do Jeep Compass 4xE

O motor 1.3 turbo de quatro cilindros de 182 cv é o mesmo nos dois modelos e está montado na frente para tracionar as rodas dianteiras, enquanto o motor elétrico de 122 cv é montado no eixo traseiro. Juntos, eles entregam aproximadamente 275 cv de potência.

tonale detalhe grade
A dianteira mantém o padrão de grade e para-choque que consagraram a marca italiana Divulgação/Alfa Romeo

O torque da unidade elétrica é de quase 255 kgfm, porém a força total do trem de força e do motor 1.3 não foram divulgadas. No Compass, o motor a combustão gera 27,5 kgfm.

Quem alimenta o motor elétrico é uma bateria de íons de lítio de 15,5 Kw/h, capaz de dar uma autonomia elétrica superior a 50 km. Ela é um pouco maior se comparada a bateria que equipa o Compass plug-in, que tem 11,4 Kw/h. A transmissão é automática de seis velocidades.

Tonale Traseira
O motor elétrico do Jeep Compass plug-in é um pouco menos potente que o do Tonale, tendo quase 60 cv Divulgação/Alfa Romeo

Esse sistema híbrido plug-in permite que o motorista altere o “DNA” do tonale, que é como a empresa decidiu chamar os modos de direção do SUV.

São três ao todo: Natural, onde motor elétrico e a combustão trabalham de maneira equilibrada sem comprometer o desempenho e conforto da condução; Potência dupla (PHEV)/Dinâmico, modo em que os dois motores trabalham em suas capacidades máximas e Eficiência Avançada, em que apenas o motor elétrico trabalha até consumir os mais de 50 km de autonomia.

tonale detalhe grade
Divulgação/Alfa Romeo

O seletor de DNA também permite ao motorista escolher a configuração de amortecimento. A Comfort, como o nome sugere, deixa a suspensão mais macia e ideal para passeios do dia a dia. Enquanto o modo Sport o carro fica mais rígido e responsivo, ideal para quem quer sentir o prazer de dirigir dos esportivos da Alfa Romeo. 

O Tonale também terá uma opção a combustão. Esta, por sua vez, tem motor 2.0 turbo de quatro cilindros, que produz 259 cv e 35,3 kgfm. A transmissão automática de nove velocidades é a responsável por distribuir a força para as quatro rodas. Segundo a empresa, esse motor atende aos padrões de emissão super-ultra-baixas 30 (SULEV 30). Sua autonomia não foi divulgada.

Continua após a publicidade

tonale dianteira de cima
Embora consiga andar cerca de 50 km apena com o motor elétrico, a marca não informou qual é a autonomia combinada do Tonale Divulgação/Alfa Romeo

Segundo a marca, o Tonale é o único modelo do segmento com sistema de freios integrados (IBS) e patilhas de mudança de alumínio fixas. As pinças são da Brembo, com quatro pistões e discos autoventilados na dianteira, e completos na traseira.

A suspensão adotada é McPherson totalmente independente, com amortecedores de amortecimento seletivo de frequência (FSD). O amortecimento é controlado eletronicamente através da suspensão ativa Dual Stage Valve.

tonale lateral
Uma curiosidade: Tonale é o nome de uma montanha no extremo norte da Itália Divulgação/Alfa Romeo

Do lado de dentro, segundo a Alfa Romeo, tudo foi pensado no motorista e passageiros, deixando todos os comandos e espaço necessário para priorizar o conforto dos ocupantes. Mas, sem deixar de lado a esportividade, expressa no design dos bancos, por exemplo. Quanto ao material usado no acabamento, podemos notar a presença de alumínio, couro e Alcantara.

No centro do painel há uma central multimídia de tamanho considerável. São 10,25’’ para o display, que tem o sistema UConnect 5, o mais rápido e avançado sistema automotivo da Alfa Romeo.

De acordo com a marca, ele apresenta um grande leque de opções de personalização de tela inicial, deixando-o mais intuitivo de acordo com o gosto do motorista. E caso o trem de força seja híbrido, ainda é possível monitorar a eficiência através do aplicativo Hybrid Pages.

Além de oferecer conectividade sem fio com Android Auto e Apple CarPlay, o UConnect 5 também traz a Alexa, assistente virtual da Amazon. Assim como na BMW, você pode dar comandos do seu carro para sua casa e da sua casa para o seu carro.

interior tonale

Ainda falando de conectividade, o Tonale também tem atualizações over-the-air (OTA), que facilitam, por meio do download de dados, manutenções nos sistemas do veículo. Como informou a marca, esse sistema está preparado para receber uma grande quantidade de dados em alta velocidade, através de uma rede de celular segura e integrada.

Outro detalhe que mostra como a Alfa Romeo está ligada nas novas tecnologias é que o Tonale será vendido com o um certificado de NFT (sigla para non-fungible tolken). Com o consentimento do cliente, o NFT registará os dados do histórico do veículo, gerando um certificado virtual. A marca afirma que é a primeira a usar esse tipo de certificação em um carro e que ela trará impactos positivos no seu valor residual, tornando-se uma fonte adicional de credibilidade no mercado de usados.

interior tonale bancos
Divulgação/Alfa Romeo

Por fim, o Alfa Connected Mobile App transforma o seu smartphone em uma chave, permitindo que você tranque e destranque portas e ligue o motor. O aplicativo também emite notificações caso alguém esteja dirigindo seu Tonale e facilita o contato com uma central de ajuda em casos de furto ou acidente.

Com tantas opções tecnológicas e de conectividade, parece que Jean-Philippe Imparato falhou na sua missão de não construir um “iPad sobre rodas”.

tonale painel
Divulgação/Alfa Romeo

No quesito segurança, o Tonale está equipado com sistema de condução autônoma nível 2. Isso significa que o carro tem controle de cruzeiro adaptativo, centralizador de faixa, Traffic Jam Assist (que controla a distância entre o seu veículo e o da frente), frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres e ciclistas, alerta de atenção do motorista (emite um sinal quando o motorista está sonolento) e alerta de ponto cego. Completam a lista os sendores de estacionamento dianteiro e traseiro e câmera 360° de alta resolução com grade dinâmica.

O Alfa Romeo Tonale estará disponível nas versões Sprint, Ti e Veloce, em ordem crescente de acabamento. Porém, a Alfa Romeo ainda não divulgou quais serão os preços iniciais do SUV, que será produzido na recém-reformada fábrica de Pomigliano d’Arco, em Nápoles, na Itália e vendido exclusivamente nos Estados Unidos, chegando aos showrooms no primeiro trimestre de 2023.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

A edição 754 de QUATRO RODAS já está nas bancas!
A edição 754 de QUATRO RODAS já está nas bancas! Arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo da QUATRO RODAS! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

App QUATRO RODAS para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês