Clique e assine por apenas 8,90/mês

Miolo mole

Por Redação - 6 jul 2011, 12h11

33096 km

Menos de 5 minutos. Esse foi o período que o Uno ficou estacionado num bairro residencial e aparentemente tranqüilo de São Paulo até sofrer uma tentativa de arrombamento. Por um lado, tivemos a sorte de que o tempo não foi suficiente para a entrada efetiva do gatuno. Por outro, a ação apressada deixou marcas na porta dianteira direita. Além do miolo da fechadura arrombado, a lataria foi amassada, chegando a trincar a pintura.

Partimos, então, para as  concessionárias Fiat para elaborar um orçamento do reparo. A Ventuno pediu 1025 reais pelo reparo, enquanto a Sempre parou nos 990 reais. Em ambas, metade do orçamento se referia apenas aos serviços de funilaria e pintura. Quase 300 reais foram pedidos pela mão de obra de troca do cilindro (o miolo) e o restante (aproximadamente 250 reais) era para pagar a peça a ser substituída. Como o Longa Duração é pautado para simular a vida real, fomos atrás de uma solução para tentar reduzir a conta do reparo. E conseguimos. Na Chaveiro 2000, Rubens Paiva recomendou: “Faça na concessionária o serviço de funilaria e pintura. Depois retorne aqui que eu faço a troca do miolo por 200 reais”. Perguntamos se essa substituição significaria ter uma chave exclusiva para a porta direita. “De maneira alguma. Continuará com a mesma chave”, disse o chaveiro.

O episódio também nos levou a reconhecer uma falha quando configuramos o pedido do nosso Uno, incorporado à frota em outubro de 2010: a compra deveria ter incluído um sistema de alarme. Cotamos o acessório em três concessionárias e o valor médio foi de 650 reais. Aproveitaremos a parada para o reparo de funilaria para instalar o dispositivo.

A limpeza dos bicos feita na revisão dos 30000 km surtiu efeito: os soluços do motor e a dificuldade de partida em dias frios sumiram.

Continua após a publicidade

Consumo:

No mês (32,6% na cidade): Álcool – 8,5 km/l

Desde out/10 (26,9% na cidade): Álcool – 8,8 km/l

Principais ocorrências

29.642 km: motor com pequenos e breves engasgos nas retomadas

Com os bancos dianteiros recuados, o espaço para quem viaja atrás se reduz drasticamente (esq.); Luz-espia indica quando o nível de gasolina do reservatório de partida a frio está baixo (dir.).

Continua após a publicidade
Publicidade