Clique e assine por apenas 8,90/mês

Está chegando a hora…

Por Redação - 22 fev 2012, 17h40

Por Péricles Malheiros

51 105 km

Se há um carro de Longa que não tem medo de estrada é o J3. Em menos de um mês, o hatch passou pelos estados de Goiás, Paraná e Minas Gerais (por duas vezes), além de Distrito Federal e cinco cidades do interior paulista. Uma das paradas em São Paulo foi em Sorocaba, na autorizada JAC, onde foi realizada a última revisão programada, dos 50 000 km.

Antes de ir para a manutenção, o J3 foi vistoriado na oficina Fukuda Motorcenter, responsável pelos desmontes dos carros de Longa Duração. Além de marcar as peças com troca prevista na revisão dos 50 000 km (fitros de óleo e ar), nosso consultor Fabio Fukuda fez o alerta: “Chegou a hora de trocar as pastilhas de freio e o filtro de cabine”.

Não dissemos nada ao consultor da JAC-Sorocaba, mas mesmo assim ele detectou as demandas – a troca das pastilhas saiu por 103 reais e o filtro de cabine, por 58 reais. Além da revisão, que inclui troca de oleo (85 reais) e filtros de oleo (30 reais), de ar (40 reais) e de combustível (25 reais), autorizamos a troca das peças sugeridas. Foi dado sinal verde também para a realização de alinhamento, balanceamento e rodízio, por 120 reais, além da troca das palhetas dianteiras (140 reais) e traseira (67 reais), todas alvo de reclamações dos motoristas que dirigiram o J3 na chuva.

Na retirada do carro, o consultor repetiu o discurso do colega responsável pela revisão dos 40 000 km: “Não fiz o rodízio porque notei uma diferença no nível de desgaste dos pneus. Com a distribuição atual, a tendência é de que o desgaste volte a se equilibrar entre todos”, disse. No caixa, a conta mais salgada da trajetória do J3 no Longa Duração: 668 reais.

Continua após a publicidade

Os problemas notados na Estrada foram reportados à JAC, como o gotejamento de água do ar-condicionado no pé do passageiro e o vidro dianteiro direito, que voltou a fazer barulho quando era todo abaixado. Aparentemente, os dois defeitos foram resolvidos.

Consumo

No mês (25,3% na cidade): Gasolina – 13 km/l
Desde maio/11 (25,5% na cidade): Gasolina – 12,3 km/l

Principais Ocorrências

48 555 km: gotejamento de água do ar-condicionado no pé do passageiro e barulho no vidro dianteiro direito quando completamente abaixado.

Aos 50 000 km, o J3 rumou para a última revisão antes do desmonte, em Sorocaba (SP) (esq.) | Como a antena é ruim, ouvir rádio na estrada é praticamente impossível. Não esqueça seus MP3 (dir.)

Continua após a publicidade
Publicidade