Clique e assine com até 75% de desconto

VW Nivus tem primeiro aumento desde o lançamento e já passa dos R$ 100.000

SUV cupê teve reajuste de até R$ 1.660, dependendo da versão, mas não teve mudanças na lista de equipamentos

Por Gabriel Aguiar 6 out 2020, 18h37
Com pintura diferenciada, o Nivus passa dos R$ 100.000 Fernando Pires/Quatro Rodas

O Volkswagen Nivus chegou às lojas há apenas três meses. Desde então, já faturou o prêmio de Melhor Compra 2020, passou as vendas de Ford EcoSport e Renault Duster no último mês e… ficou mais caro: agora, beira os R$ 100.000.

Sem mudanças na lista de equipamentos, o modelo custa R$ 87.350 na versão de entrada Comfortline – que antes era vendida a R$ 85.890, ou seja, R$ 1.460 mais em conta. Já a topo de linha Highline custa agora R$ 99.950 (antes saia R$ 98.290).

Quer ter acesso a todos os conteúdos exclusivos de Quatro Rodas? Clique aqui e assine por apenas R$ 8.90

Para quem leva a opção básica, ainda há o pacote Play & Tech, que também teve reajuste de preços e passou de R$ 3.520 a R$ 3.590. Com pintura metálica (R$ 1.570), o SUV vai a R$ 92.510, mesmo com base na configuração mais simples.

Modelo ficou mais caro apenas três meses após o lançamento Fernando Pires/Quatro Rodas

Já a topo de linha, que é vendida com cesta de equipamentos fechada – que inclui até os sistemas de condução semiautônoma – supera a centena de milhar quando recebe qualquer pintura que não seja Preta Ninja, única que não tem acréscimo. O preço vai a R$ 101.520.

  • Também foi mantida a mesma motorização de antes: 3-cilindros 1.0 turbo com 128 cv de potência e 20,4 kgfm de torque, sempre associado ao câmbio automático de seis marchas. É exatamente o conjunto utilizado por Polo, Virtus e T-Cross.

    Não houve mudança na lista de equipamentos das versões Fernando Pires/Quatro Rodas

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

    Continua após a publicidade
    Publicidade