Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Nova Chevrolet Colorado tem motor de Silverado e adianta a futura S10

Diferentemente de como foi até agora, as picapes serão praticamente idênticas e terão novo motor 2.7 turbo presente nas versões básicas da Silverado

Por João Vitor Ferreira Atualizado em 28 jul 2022, 20h02 - Publicado em 28 jul 2022, 19h52

Se antes elas dividiam apenas a plataforma e eram diferentes em todo o resto, agora, a americana Chevrolet Colorado e a brasileira S10 estarão mais parecidas do que nunca, para não dizer idênticas. Essa é a estratégia da General Motors para reduzir custos de produção e, logo, podemos esperar apenas leves mudanças visuais para adaptar o design às preferências de cada região.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

Dessa forma, o anúncio da nova Colorado, foi feito hoje pela GM, pode ser considerado também um anúncio da nossa nova S10. E em sua nova geração, a picape chama atenção pelo visual robusto, pelas adições tecnológicas e pelo novo conjunto mecânico.

Chevrolet Colorado traseira
Divulgação/Chevrolet

Design

A Colorado chega com personalidade no visual para se diferenciar da Montana, que volta ao mercado em 2023 como rival de Toro e Oroch, e da Silverado, que chega ao Brasil também no próximo ano. Embora seus faróis sejam separados e estreitos, remetendo aos da irmã maior, a grade dispensa as barras cromadas e adota um visual todo preto, com uma única barra central.

Nas extremidades do para-choque há duas tomadas de ar, que nas versões mais caras alojam os faróis de neblina na parte inferior. Suas linhas e capô tem vincos bem marcados, que reforçam a ideia de robustez da picape.

Chevrolet Colorado
Divulgação/Chevrolet

A traseira é o ângulo mais conservador, mantendo as lanternas verticais, que se diferenciam pelas laterais em formato irregular. No centro da tampa da caçamba, o nome da montadora é estampado em baixo relevo em um volume arredondado.

A caçamba recebeu uma atenção especial e ganhou uma série de funcionalidades para ajudar na organização: oito compartimentos (ou bolsos), dois espaços para guardar pneus de bicicleta ou moto, e mais oito pontos para amarração de carga. Na tampa também há uma tomada 110V e um compartimento protegido por uma tampa e à prova d’água.

Chevrolet Colorado caçamba ecompartimento
Nova caçamba oferece várias opções para melhorar a organização Divulgação/Chevrolet

Maior, mas só por fora

Um fator que pode ser decepcionante é limitação da carroceria. Agora, a picape será vendida apenas com cabine dupla e caçamba normal. As opções de cabine simples e caçamba estendida foram excluídas, segundo a montadora, para “criar uma família Colorado unificada”.

Chevrolet Colorado todas
As versões recebem três configurações diferentes do motor 2.7 turbo Divulgação/Chevrolet

Em todas as quatro versões (WT, LT, Z71, Trail Boss e ZR2) a picape tem 3,33 m de entre-eixos, 24 cm maior que a nossa S10 e quase 8 cm maior que sua antiga geração. O comprimento é de 5,40 m, apenas um centímetro maior que o modelo nacional. Lembrando que a S10 e a antiga Colorado também dividiam a mesma plataforma.

O aumento no entre-eixos, porém, não refletiu em maior espaço interno. A propósito, ele diminuiu 28 mm no banco traseiro e aumentou míseros 5 mm para quem viaja na frente.

Chevrolet Colorado frontal
Divulgação/Chevrolet

Dentro da cabine a mudança é grande. Os painéis abandonam o plástico duro, sendo de plástico texturizado nas variantes básicas e de couro da Z71 e ZR2. Suas linhas estão mais retas, com saídas de ar redondas que lembram turbinas de avião, as mesmas encontradas no Camaro e no Blazer EV.

A nova central multimídia tem 11,3’’, que deixa o display da S10 de 7’’ ainda mais defasado. Já o quadro de instrumentos é totalmente digital e tem 8’’. O console tem poucos botões e a maioria das funções podem ser acessadas pela multimídia, que pode exibir até 10 câmeras do entorno do veículo e tem um aplicativo exclusivo para monitoramento off-road.

Chevrolet Colorado lateral vermelha
Divulgação/Chevrolet

Itens de segurança como frenagem autônoma de emergência, farol alto automático, alerta de colisão frontal e assistente de permanência em faixa aparecem desde a versão de entrada. Conforme vamos subindo, a picape vai sendo incrementada com ar-condicionado de duas zonas, carregador sem fio, sensor de ponto cego, faróis de LED e, pela primeira vez, um teto solar.

Adeus turbodiesel

De fato, a Colorado terá o motor 2.7 turbo de quatro cilindros a gasolina acoplado a uma transmissão automática de oito marchas, como previsto. Porém, o conjunto terá uma configuração para cada nível de acabamento.

Continua após a publicidade

Chevrolet Colorado bancos dianteiros
Divulgação/Chevrolet

Nos EUA, essa configuração substitui o 2.5 aspirado e o V6 3.6, ambos a gasolina. Por aqui, com o fim da motorização flex, o novo quatro cilindros turbo substituirá o 2.8 turbodiesel de 200 cv.

Nas mais básicas, WT e LT, ele entrega 240 cv e 35,8 kgfm, o que a tornam mais potente do que as versões americanas equipadas com o 2.5 e a S10 brasileira. Nessa configuração, a Colorado é capaz de rebocar até 1.588 kg.

Chevrolet Colorado painel
Interior está mais tecnológico e refinado Divulgação/Chevrolet

As versões intermediárias são a Z71 e a Trail Boss, esta última voltada para o off-road. As duas são equipadas com uma configuração do 2.7 turbo que gera 314 cv e 53,8 kgfm. Comparado ao motor mais potente da geração anterior, ela ganha apenas 2 cv, mas em compensação aumenta em quase 16 kgfm o torque, o que explica a capacidade de reboque de 3.493 kg, mais que dez vezes a capacidade da antecessora.

Chevrolet Colorado painel

Como dito, a versão Trail Boss tem maior preparação para o fora de estrada que as demais. Ela traz um kit de elevação de 51 mm, que elevam sua distância em relação ao solo para 24,1 cm, esteira dianteira 3 cm mais larga, tração integral, além de diferencial de deslizamento limitado e rodas de alumínio de 18 polegadas calçadas com pneus todo-terreno. Nessa configuração, a Colorado tem ângulos de entrada e saída de 30,5 e 22,4 graus, respectivamente.

Colorado ZR2

Ainda mais preparada que a Trail Boss é a ZR2. Essa é a única versão em que o motor gera 314 cv e 59,3 kgfm, ou seja, mais forte do que uma Ford F-150 com seus 57 kgfm. Porém, mesmo com o mais torque, sua capacidade de reboque se mantém nos 3.493 kg.

Chevrolet Colorado ZR2 de cima
ZR2 é a versão mais bem preparada para andar em alta velocidade no off-road Divulgação/Chevrolet

No conjunto mecânico, a ZR2 tem amortecedores Multimatic DSSV e uma elevação de suspensão de 7,6 cm e pneus para lama de 33’’. Ao todo, essa versão tem um vão livre de 27,2 mm. Com isso, seu ângulo de entrada sobe para 38,3 graus e o de saída para 25,1 graus.

Essa versão compartilhará alguns equipamentos exclusivos com a Z71, como a câmera que dá uma visão do que está debaixo do veículo e um quadro de instrumentos maior, que não teve seu tamanho divulgado.

Chevrolet Colorado ZR2 traseira
Divulgação/Chevrolet

A ZR2 também trará uma edição especial chamada de Desert Boss. Ela ganha uma nova grade, novas rodas de 17’’ e barra luminosa no teto, além de decalques e insígnias de identificação.

Chevrolet Colorado ZR2 DESERT BOSS
Desert Boss ganha barra Baja para estilizar a grade Divulgação/Chevrolet

Serão 5 modos de condução disponíveis: Normal, Reboque / Transporte, Off-Road, Terrain e Baja. Enquanto os primeiros são auto explicativos, Terrain e Baja funcionam como opostos. No Terrain a picape anda em baixa velocidade e usa o reconhecimento de terrenos para detectar rochas pelo caminho, enquanto o Baja é para correr em alta velocidade em locais arenosos.

Nos EUA, a Colorado começará a ser vendida no primeiro semestre de 2023, mas ainda não teve seus preços divulgados. Por aqui, ela se tornará S10 também no próximo ano, mas a data ainda não foi definida.

Colorado desert boss traseira
Divulgação/Chevrolet

 

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês