Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

GM interrompe produção de S10, Trailblazer e alguns motores no Brasil

Queda na demanda motivou a parada, que seria limitada a dois modelos mas foi estendida, de modo inédito, a todo complexo de São José dos Campos (SP)

Por Eduardo Passos
6 jun 2023, 08h36

Durante a pandemia de covid-19, a Chevrolet enfrentou sérios problemas na produção de alguns de seus carros, mas a fábrica de São José dos Campos (SP) jamais parou. Agora, entretanto, a unidade paulista sofrerá uma inédita paralisação total, por motivo diferente.

A informação foi dada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, que deu a queda na demanda por veículos novo como a justificativa da parada. Vale notar que a General Motors já anunciara uma paralisação parcial dessa fábrica, que agora se estende.

Complexo Industrial da GM em São José dos Campos
Complexo Industrial da GM em São José dos Campos (Divulgação/Chevrolet)

Até então, o stop estava previsto para vigorar entre os dias 12 e 23 de junho, se limitando à linha S10 e Trailblazer. Agora, de acordo com o sindicato, também deixarão de ser feitos motores para as linha Onix Joy e Prisma Joy, que já foram descontinuados no mercado nacional e tiveram sua produção transferida para a Colômbia. Também haverá parada de parte do setor administrativo.

Chevrolet Trailblazer
280 unidades da Trailblazer a menos serão produzidas; número da S10 chega a 3.000 (Fernando Pires/Quatro Rodas)

Férias coletivas também foram determinadas para empregados que trabalham nas linhas de montagem de transmissões. De acordo com o Sindicato, um total de 3.000 unidades da picape e 280 do SUV grande da Chevrolet deixarão de ser fabricadas.

Continua após a publicidade
Não há previsão de que ocorram demissões
Não há previsão de que ocorram demissões (Divulgação/Chevrolet)

O órgão ressalta que “a extensão da parada traz preocupação” no que diz respeito a demissões, mas que, segundo votado em assembleias, os trabalhadores não aceitarão cortes de postos de trabalhos ou redução de direitos.

Segundo a GM, o período de parada será remunerado e posteriormente compensado.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.