Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

De olho na Toro, Ford Maverick Lariat já está homologada no Brasil

Caminhonete deve repetir mecânica do Bronco Sport, com motor 2.0 turbo. Seu preço, entretanto, é o maior desafio às pretensões da Ford no Brasil

Por Eduardo Passos Atualizado em 29 Maio 2021, 16h02 - Publicado em 28 Maio 2021, 19h02
Ford Maverick picape flagra
Com porte de Toro, a Ford Maverick pode chegar ao Brasil em breve Renato Aspromonte/Quatro Rodas

A nova Ford Maverick tem suas contradições: já sabemos seu nome e o modelo roda sem disfarces nas ruas americanas, ao mesmo tempo que dados de mercado e mecânica da nova picape seguem sigilosos. Oficialmente.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90. 

Isso porque detalhes obtidos por QUATRO RODAS dão conta que ao menos uma versão da caminhonete já foi homologada no Brasil, dando pistas de seu motor e, principalmente, de possível desembarque com foco no reinado das versões mais caras da Fiat Toro entre as picapes compactas-médias.

Coerência visual com Bronco Sport e F-150 é visível na nova picape
Coerência visual com Bronco Sport e F-150 é visível na nova picape, que roda sem pudor em testes públicos Reprodução/TFLTruck.com

A versão homologada corresponde à Maverick topo-de-linha, batizada de Lariat como suas irmãs Ranger e F-250. O modelo de topo já foi flagrado nos Estados Unidos e terá toda a iluminação em leds, suspensão traseira independente e tração integral.

Não há certeza quanto ao motor da picape (que atingiu 12 km/l de rendimento nos testes, com gasolina), mas são cada vez mais frequentes os relatos de que seu trem-de-força repetirá o Bronco Sport vendido no Brasil, com 2.0 EcoBoost turbo de 240 cv e 38 kgfm alinhado à transmissão automática de oito marchas.

Continua após a publicidade
Ford Maverick
Dianteira da picape apareceu em flagra na linha de montagem mexicana, onde também é feito o Bronco Sport Reprodução/Internet

Também vem do Bronco Sport a plataforma C2 utilizada na construção da caminhonete, que pode oferecer motores mais fracos nas variantes básicas. A versão de entrada promete, inclusive, ser o Ford mais barato dos EUA, custando menos de R$ 104.000 na cotação atual. Já o modelo mais caro tem seu preço estimado em R$ 167.000, também para o mercado norte-americano.

Caso a Ford aplique mesma conversão usada no Bronco Sport, a coisa complica: a Maverick Lariat custaria algo em torno de R$ 250.000 no mercado nacional, superando com folga a Toro Ultra 2022 a diesel vendida por R$ 187.490. Como o Bronco Sport, a picape será fabricada no México e, portanto, gozaria de benefícios fiscais em sua importação ao país.

ford bronco sport
Motor 2.0 EcoBoost do Bronco Sport Fernando Pires/Quatro Rodas

Nesse impasse, a Maverick pode tanto repetir a fórmula de preços mal calculados do Territory e Bronco Sport quanto representar uma guinada da Ford no Brasil, encorpando guerra à Toro semelhante ao que vivencia o Jeep Compass entre os SUVs médios. Mas até agora a empresa opta pelo mistério e não se pronunciou quanto à eventual chegada da picape compacta-média ao Brasil.

Ainda “de ressaca” após a apresentação da F-150 Lightning, a montadora pode revelar sua picape menor já no mês que vem, a fim de iniciar suas vendas no terceiro trimestre de 2021. A picape Maverick poderia estrear no Brasil na virada do ano e, como o Bronco Sport (que também tem versão 1.5 homologada no Brasil), pode ser lançada em versão única.

Procurada, a Ford disse que não comentaria o assunto.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Capa Maio 2021
A edição 745 de QUATRO RODAS já está nas bancas! Arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade
Publicidade