Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Saldão: Ford Territory zero km é vendido com R$ 22.000 de desconto

Vendas estagnadas e novos concorrentes (inclusive da mesma marca) levam Ford a praticar desconto agressivo nas duas versões do Territory

Por Eduardo Passos 30 abr 2021, 14h13
Ford Territory recebeu elogios pelo que oferece, mas segue lutando para atingir preço competitivo
Ford Territory recebeu elogios pelo que oferece, mas segue lutando para atingir preço competitivo Fernando Pires/Quatro Rodas

O SUV médio Ford Territory chegou com pompas ao Brasil mas, aparentemente, tarde demais perto de concorrentes como o Jeep Compass. Se ainda havia espaço para uma vida, a insistência em preços altos e a redução da Ford no Brasil cederam espaço para alternativas como o Toyota Corolla Cross.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

Depois de meses e na iminência de concorrer até mesmo com modelos da própria marca, o Territory finalmente experimentou uma correção em seus valores, aproximando-o da realidade. O corte nos preços, conforme apurou QUATRO RODAS, chega aos R$ 22.000 e não é caso isolado.

Na contramão do mercado

Versão de entrada do SUV já oferece bom nível de recursos. Mas novamente o preço depõe contra
Versão de entrada do SUV já oferece bom nível de recursos. Mas novamente o preço depõe contra Fernando Pires/Quatro Rodas

Em tempos de encarecimento sensível dos automóveis, o Territory também sofreu reajustes depois do lançamento. Desde agosto de 2020 a versão SEL, de entrada, foi de R$ 165.900 para R$ 179.900. Ao mesmo tempo, a topo de linha Titanium subiu de R$ 187.990 para R$ 197.900.

Um dos vários anúncios de unidades do Territory com desconto
Um dos vários anúncios de unidades do Territory com desconto Reprodução/Instagram

O fator novidade até fez com que o carro obtivesse o quarto lugar no ranking mensal de vendas da categoria, em outubro passado, mas os reajustes, atualizações dos concorrentes e espera pela chegada de novidades derrubaram o Territory à 15ª posição no acumulado de 2021.

Com menos opções no portfólio, a Ford precisa garantir sua parcela de mercado e parece ter optado por um saldão agressivo. No caso do Territory SEL, o preço de tabela despencou dos R$ 179.900 para R$ 157.900. O desconto de 12,2% vale para pagamentos à vista mas, em compensação, as unidades também estão disponíveis para pronta entrega.

Os mesmos preços são praticados em diferentes regiões do Brasil
Os mesmos preços são praticados em diferentes regiões do Brasil Reprodução/Instagram

O preço promocional pode ser encontrado em lojas tão distantes quanto São Paulo (SP), Recife (PE) e São Luís (MA), reforçando que se trata de uma ação coordenada da montadora. 

Impulsionado pelo 1.5 turbo de 150 cv, o Territory SEL é destacado pelo teto solar panorâmico e central multimídia de 10,1’’. Não à toa, o valor praticado é quase igual ao do novo Compass Longitude com motor 1.3 turboflex. No caso do Jeep, além de 35 cv a mais, há central de mesmo tamanho (e mais moderna) e painel de instrumentos digital como vantagens.

Continua após a publicidade

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Grupo Amazonas (@grupo.amazonas)

A missão não parece estar fácil, uma vez que a Ford precisou aumentar em R$ 5.000 o desconto inicialmente dado ao Territory SEL. Ao mesmo tempo, a versão Titanium, que seguia conforme a tabela, foi reajustada para R$ 180.900.

 

 

Na Titanium há o mesmo motor 1.5, mas são acrescentados detalhes como novo acabamento, assistentes de direção, sistema de câmeras e painel de instrumentos digital. 

A oferta, entretanto, é novamente ameaçada pelo Compass Limited 1.3 — topo da linha flex —, cotada a R$ 176.990 (R$ 182.178 em São Paulo) e superior em termos de mecânica e recursos.

Versão SEL tem menos cromados que a Titanium
Ford Territory tem menos recursos que o futuro Bronco mas, ao mesmo tempo, melhor preço. No fim, nenhum dos dois cumprem ambos os requisitos Fernando Pires/Quatro Rodas

Como o Territory nunca foi fabricado no Brasil, seus descontos não se parecem um “bota-fora” para esvaziar estoques, mas uma tentativa de levantar um carro que patina desde seu lançamento.

A situação ficará ainda mais embolada com a iminente chegada do Bronco Sport ao Brasil: ao mesmo tempo que o modelo desembarca bem falado e com vendas espetaculares no exterior, sua faixa de preço aliada às opções de motores tendem a, mais uma vez, conter o desempenho na briga dos SUVs médios.

Se a situação já não era das melhores para o Territory, a presença do irmão de marca e categoria só tende a torná-la mais complicada.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Capa Quatro Rodas Abril

Continua após a publicidade

Publicidade