Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Fusca elétrico chinês é lançado como ‘carro mais feminino do mundo’

Com proposta de ser um carro feminino, o Ora Ballet Cat abusa dos estereótipos para criar funções exclusivas. Algumas soam até machistas

Por Henrique Rodriguez Atualizado em 17 jul 2022, 15h53 - Publicado em 17 jul 2022, 15h52

A ORA é a submarca da Great Wall voltada para carros elétricos e ficou mais conhecida no mundo inteiro ao se inspirar no clássico Volkswagen Fusca para criar o design do ORA Ballet Cat. E, claro, irritar a Volkswagen por isso.

As vendas do ORA Ballet Cat na China começaram nesta semana e algumas particularidades surpreendem: ele custa o equivalente a um VW T-Cross e vem sendo considerado o carro mais feminino do mundo.

Ora Ballet Cat
Ora/Divulgação

Há quatro configurações com preços entre 193.000 e 223.000 RMB, o que equivale à faixa entre R$ 154.500 e R$ 178.500. Não é um carro barato para os padrões da China, mas chama atenção a ORA posicionar o modelo como um carro feito exclusivamente para mulheres e o modo infantil, que seleciona uma temperatura confortável e ativa uma câmera traseira para monitorar crianças no banco de trás.

Ora Ballet Cat
Ora/Divulgação

Oficialmente, a ORA trata o Ballet Cat como “um carro elegante para mulheres” e a justificativa pra isso pode ser vista nos detalhes, como um compartimento no console central dedicado a guardar maquiagem, espelhos iluminados maiores por trás dos parassóis.

Ora Ballet Cat
Ora/Divulgação

Mas algumas funções soam um tanto machistas. Por exemplo, o carro oferece o modo de condução “Lady Driving”, que configura o piloto automático adaptativo para manter uma distância maior dos carros à frente. Ou seja, coloca em xeque as habilidades das mulheres ao volante.

Compartilhe essa matéria via:
Ora Ballet Cat
Ora/Divulgação

Mais controverso ainda é o “Warm Man Mode” (Modo homem quente, na tradução literal), que liga o sistema de aquecimento do carro para reduzir o desconforto das mulheres no período menstrual. O carro passaria a aquecer a região lombar, o que diminuiria a dor durante o período. Mas o nome da função é infeliz.

Continua após a publicidade

Ora Ballet Cat tem várias configurações controversas e pensadas considerando estereótipos.

Ora Ballet Cat
Ora/Divulgação

O “Fusca chinês” é maior do que qualquer Fusca já fabricado pela Volkswagen. Tem 4,40 m de comprimento, 1,87 m de largura, 1,63 m de altura e bons 2,75 m de entre-eixos, o que permite não apenas que tenha um bom espaço traseiro como também viabiliza as portas traseiras.

Ora Ballet Cat
Ora/Divulgação

O motor elétrico é dianteiro e tem 173 cv, o que limita a velocidade máxima a 155 km/h. Há duas baterias disponíveis: a de 50 kWh tem autonomia de 401 km no ciclo chinês (CLTC), enquanto a de 60,5 kWh aumentaria o alcance a 500 km.

Ora Ballet Cat
Reprodução/Internet

A versão de entrada chama-se ORA Ballet Cat Alice Edition e já está equipada com sistema autônomo de nível 2 com piloto automático adaptativo. A segunda versão é a Nutcracker Edition (Quebra-Nozes), que inclui equipamentos como os bancos dianteiros aquecidos e assistente de baliza automático.

Ora Ballet Cat
Ora/Divulgação

Já a versão topo de linha acrescenta a bateria de maior capacidade e se chama Sleeping Beauty Edition, Bela Adormecida em tradução literal. É sério. 

Na china, o Ballet Cat terá como concorrentes modelos como o Smart #1, o BYD Song elétrico e o Volkswagen ID.4 X, todos na mesma faixa de preço. Mas são unissex.

Ballet Cat da GWR
Great Wall Motors/Divulgação
Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês