Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Tesla Model 2 será carro elétrico mais barato exclusivo para a China

Fabricante quer "descer do salto" e brigar em segmentos mais populares com seu novo Model 2 — até agora exclusivo à China

Por Eduardo Passos 8 fev 2021, 16h46
Tesla Model 2 esboço
Esboço artístico do futuro Tesla que deverá ser batizado ao Model 2 Reprodução/Instagram

Cada vez mais interessada em energia renovável, a China correspondeu, sozinha, a um terço das vendas da Tesla em 2020. Isso parece ter seduzido a fabricante a criar um modelo de entrada exclusivo — ao menos em princípio — para mercado chinês.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 7.90

As informações vêm do blog local Auto SINA e dão conta que o futuro Tesla Model 2, que será algo entre um SUV compacto e um hatchback do Model 3, deve ser lançado ainda neste ano, com preço mais acessível.

A ideia do carro é ampliar o alcance da Tesla no receptivo mercado da China, onde cerca de 145.000 carros da Tesla foram comercializados em 2020. O país vem sendo desejado por várias montadoras interessadas no seu público cada vez mais sedento por carros elétricos.

Uma dessas é a Volkswagen, que já prepara novidades da família ID por lá, indo de subcompactos a SUVs. O ID.4, por exemplo, já é vendido por cerca de R$ 250 mil, enquanto o ID.3 deve chegar também até o final de 2021.

Continua após a publicidade

O Model 2, porém, deverá bater com folga a VW em termos de preço, custando por volta de R$ 130.000. Para isso, a Tesla aproveitará sua Gigafactory em Xangai e especialistas chineses em toda a pesquisa e desenvolvimento do carro, a fim de otimizar custos. Os estudos de viabilidade estão a pleno vapor, com documentos já submetidos à aprovação estatal.

Estimativas dão conta que o novo Tesla pertencerá ao chamado segmento C, com cerca de 4 m de comprimento
Estimativas dão conta que o novo Tesla pertencerá ao chamado segmento C, com cerca de 4 m de comprimento Reprodução/Internet

Ainda que mais detalhes não tenham sido confirmados, espera-se reaproveitamento da plataforma do Model 3, além de baterias menores, com autonomia de 350 km a 450 km, para que o Model 2 mantenha-se em faixa de preço acessível aos chineses emergentes.

Com a papelada já entregue a Pequim, o Tesla Model 2 deve começar seus testes de rua em breve. O carro marca uma guinada da Tesla rumo a segmentos mais acessíveis do mercado, deixando de ser uma marca premium e buscando lugar ao lado de gigantes como Toyota e GM se tratando de amplitude do portfólio. 

Nova fábrica da Tesla na China tem capacidade de produzir mais de 200 mil unidades por ano
Nova fábrica da Tesla na China tem capacidade de produzir mais de 200 mil unidades por ano Electrek/Reprodução

Desse modo, já em 2022 a companhia de Elon Musk contará com veículos que vão do Model 2 ao novo Roadster, passando pela badalada picape Cybertruck, Model Y, entre outros.

A mídia local especula que o modelo “popular” seja apresentado ao público até o fim do ano, de modo a chegar às lojas junto ao subcompacto ID.3 da Volkswagen.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Quatro Rodas capa 741
arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade
Publicidade