Renault é mais uma a interromper produção no Brasil e dá férias a 7.500

Marca se junta a GM, VW, FCA e Toyota, paralisando atividades em São José dos Pinhais devido à pandemia do novo coronavírus

Fábrica da Renault em São José dos Pinhais (PR)

Fábrica da Renault em São José dos Pinhais (PR) (Divulgação/Renault)

A Renault é a quarta fabricante automotiva a anunciar nesta sexta-feira (20) a interrupção temporária da produção no Brasil devido à pandemia do coronavírus.

Em nota, a marca francesa anunciou que “irá suspender a produção no complexo de São José dos Pinhais (PR) no período de 25 de março a 14 de abril de 2020″ em função do crescente impacto do coronavírus (Covid-19)”.

Ao todo, 7.500 funcionários serão colocados em férias coletivas. Lá, são produzidos os modelos Kwid, Sandero, Logan, Duster, Duster Oroch e Captur, além de motores.

Mais cedo, Volkswagen, Toyota e FCA anunciaram medidas semelhantes. No caso da Fiat Chrysler, a paralisação afetou o lançamento da nova geração da picape Strada, que será adiado sem prazo determinado.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s