McLaren expandirá uso de tecnologia híbrida

Metade da gama ganhará sistema derivado do P1 até 2025

sustentabilidade sustentabilidade

sustentabilidade (/)

A McLaren promete levar a mesma tecnologia híbrida do P1 à metade de sua gama nos próximos dez anos. A imprensa internacional revela nesta terça-feira (10) que o CEO Mike Flewitt confirmou que esse tipo de motorização será levado a modelos não tão caros até 2025.

A medida, mais do que uma opção, seria fruto de uma necessidade. Isso porque as marcas fabricantes de grandes esportivos terão cada vez mais restrições quanto à emissão de CO2 por motores a combustão, ao menos na Europa. Assim, a introdução de mais modelos híbridos iria ao encontro desse panorama.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s