Flagra: Citroën C4 Cactus de entrada terá rodas de aço e câmbio manual

Sem sensor de estacionamento ou faróis de neblina, versão Live recebeu motor 1.6 16V aspirado com até 122 cv e câmbio manual de cinco marchas

Versão Live não possui faróis de neblina e o rack é mais simples que nas opções topo de linha

Versão Live não possui faróis de neblina e o rack é mais simples que nas opções topo de linha (Gabriel Aguiar/Quatro Rodas)

O Citroën C4 Cactus segue em testes às vésperas do lançamento no Brasil. QUATRO RODAS flagrou a versão de entrada Live próximo à fábrica da marca, em Porto Real (RJ).

Desta vez, o SUV compacto da Citroën aparece bem mais simples do que as imagens divulgadas até agora pela fabricante.

Gabriel Aguiar A unidade flagrada tinha rodas de aço com calotas

A unidade flagrada tinha rodas de aço com calotas (Gabriel Aguiar/Quatro Rodas)

A unidade tem rodas de aço, calotas com acabamento cinza, rack de teto simplificado, maçanetas e capa dos espelhos sem pintura e também fica devendo os faróis de neblina no para-choque.

Só que a principal novidade em relação à versão topo de linha será o motor 1.6 16V aspirado flex com até 122 cv e 16,4 mkgf – o mesmo que equipa C3 e Aircross, além dos Peugeot 208 e 2008.

Segundo o Inmetro, o SUV terá classificação C de eficiência energética

Segundo o Inmetro, o SUV terá classificação C de eficiência energética (Gabriel Aguiar/Quatro Rodas)

Segundo o Inmetro, essa configuração com câmbio manual de cinco marchas tem nota C de eficiência energética, com médias de 11 km/l na cidade e 12,5 km/l na estrada (ambas com gasolina).

Ainda não há previsão de preços para a opção mais simples do SUV, que deverá superar os R$ 90 mil na versão mais cara.

Fato é que o C4 Cactus será posicionado acima do Aircross, que custa R$ 75.700 em sua versão mais cara com câmbio automático. Vale lembrar que os dois modelos são baseados na plataforma PF1, também compartilhada com o C3.

Na unidade flagrada, não havia sensores de estacionamento ou câmera de ré

Na unidade flagrada, não havia sensores de estacionamento ou câmera de ré (Gabriel Aguiar/Quatro Rodas)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Montadoras francesas não aprendem….a Renault lança o Captur, um carro novo, bonito, de aparência moderna e com o motor velho e automático com 4 marchas….queimou o filme na largada. E ainda demorou a lançar o 1.6SCe com CVT. A Citroen, que já não vai muito bem no Brasil, deveria ter aprendido com a bobagem da irmã francesa e já lançar arrebentando para ganhar confiança. Lança logo o Pure Tech Turbo! Seria um classe AAA no INMETRO, econômico, bonito, tecnologicamente na vanguarda! Não teria nenhum concorrente com um conjunto tão bom e abriria espaço para ampliar o uso em outros carros. Escolhas erradas que vão refletir na mídia especializada e nas vendas…uma pena.

  2. Infelizmente, o brasileiro, apesar de pagar por carros caríssimos, recebe subprodutos, as montadoras nos classificam como consumidores de terceiro mundo. Embora que os lucros aqui obtidos são de primeiro mundo. Os carros que aqui são lançados, mesmo quando se trata de um lançamento global, não veem com os mesmos equipamentos e motores dos que estão disponíveis na Europa/EUA. Esse exemplo do Captur é clássico. carro novo, câmbio e motor velhos, ultrapassados.Vergonha!

  3. Thank for finally talking about >Flagra: Citroën C4 Cactus de entrada terá rodas
    de aço e câmbio manual | Quatro Rodas <Liked it!

  4. Yeah bookmaking this wasn’t a risky conclusion outstanding
    post!

  5. Vago dentro de 15 cores e diferentes acabamentos.

  6. I am glad to be a visitant of this complete site, appreciate it for this rare info!

  7. Do not grumble! When a client/boss asks for something,
    do not whine concerning it – just do it. If they think
    they have a whiner on their

    hands they won’t want anything to do with you.

  8. Đường được trải nhựa khá đẹp và trồng nhiều
    cây xanh.

  9. Là dự án có mảng xanh lớn nhất hiện nay.

  10. I think that what you published made a great deal of sense.
    However, think on this, what if you were to create a killer title?
    I ain’t saying your information isn’t solid,
    but what if you added something that grabbed a person’s
    attention? I mean Flagra: Citroën C4 Cactus de entrada terá rodas de aço
    e câmbio manual | Quatro Rodas is kinda
    boring. You should peek at Yahoo’s front page and note how they create post titles to get people interested.

    You might add a video or a related picture or two to grab people interested about everything’ve got to say.

    In my opinion, it could make your posts a little livelier.