Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

O sprint do Agile

Por Redação 21 jun 2011, 13h10

Por Péricles Malheiros

55000 km

As revisões do Agile acontecem a cada 10000 km e, entre elas, há a necessidade de uma parada rápida para troca de óleo do motor. Assim, aos 55000 km, nosso Agile encostou na concessionária paulistana Nova Tatuapé para sua última parada antes do desmonte. Felizmente, a “saideira” rendeu uma grata surpresa. “Apesar de se tratar de uma simples troca de óleo, o serviço foi impecável. Enquanto o óleo era escoado do cárter, o consultor fez uma verificação geral do nível dos fluidos, estado das palhetas limpadoras e funcionamento das luzes internas e externas. Foi, de longe, o atendimento mais cuidadoso dispensado ao Agile até hoje”, diz Eduardo Campilongo, nosso assistente de testes, que já está acostumado a levar os carros de Longa Duração para as revisões. Quatro litros de lubrificante, filtro e anel de vedação renderam uma conta de 131,30 reais. Outro fato inédito: esta foi a única ocasião em que uma concessionária entregou o óleo não utilizado.

Na edição passada, reportamos um pequeno acidente de percurso: um motoqueiro distraído bateu na porta dianteira direita do carro. Fizemos dois orçamentos iniciais (um de 1817 e outro de 1531 reais), além de um terceiro, logo após o fechamento da edição, de 1298 reais. Na média, o preço cobrado pelas concessionárias é bastante próximo ao valor da franquia do seguro, 1663 reais. Também levamos o carro até o Cesvi, para que os técnicos pudessem avaliar os serviços sugeridos nos três orçamentos. No geral, nenhum problema grave. “Os orçamentos poderiam ser um pouco reduzidos se as concessionárias reaproveitassem alguns emblemas e frisos, em vez de simplesmente substituí-los”, diz Eduardo Fernandes, chefe de oficina do Cesvi.

Como a hora da simulação de venda se aproxima, aproveitaremos a oportunidade para aferir o que dizem os lojistas sobre esse tipo de reparo: vale a pena ou não consertar uma batida de um carro que se pretende vender?

Continua após a publicidade

Consumo:

No mês (53,6% na cidade): Álcool – 7,6 km/l

Desde mar/10 (35,3% na cidade): Álcool – 8 km/l

Principais ocorrências:

52.666 km – porta dianteira direita é atingida por uma moto

Ao rodar sobre pisos irregulares, batentes do porta-malas começam a apresentar rangidos (esq.); O fechamentod as portas é facilitado com a abertura automática de uma fresta na janela (dir.).

Continua após a publicidade

Publicidade