Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

No trânsito, totó na traseira

Por Redação 29 out 2014, 09h00

Por Péricles Malheiros

16 226 km

O repórter Vitor Matsubara, do site da QUATRO RODAS, estava parado com o Corolla em meio ao trânsito paulistano quando ouviu um barulho forte de frenagem: “Olhei no retrovisor e o motociclista já havia atingido o carro. Foi tão de leve que nem sequer arranhou a pintura. Como o rapaz disse que estava bem, cada um seguiu seu caminho”, disse Vitor. Na Editora Abril, porém, vimos que o abalroamento, apesar de leve, foi suficiente para desalinhar a capa do para-choque junto à lanterna e ao para-lama, ambos do lado esquerdo.

Fomos, então, para a concessionária Inter Japan e solicitamos um orçamento do reparo. Surpresa: “O consultor se comprometeu a providenciar o conserto em cortesia se fizermos a próxima revisão, aos 20 000 km, com ele”, disse o repórter visual Eduardo Campilongo, que levou o Corolla até a autorizada. O técnico explicou que o deslocamento da capa do para-choque provocou um desalinhamento em relação à carroceria e ainda empurrou a lanterna, o que exigirá a desmontagem e remontagem para o correto reposicionamento.

Untitled-1
A colisão foi leva, mas suficiente para desalinhar o para-choque e a lanterna

Consumo

No mês: 7,3 km/l com 31% de rodagem na cidade

Continua após a publicidade

Desde mai/14: 7,9 km/l com 38,4% de rodagem na cidade

Combustível: etanol

Principais ocorrências

12 215 Marcador de combustível não registra tanque cheio

12 247 Sistema antiesmagamento dos vidros ativado indevidamente

Custos no mês

Combustível: R$ 1 066

Continua após a publicidade

Publicidade