Clique e assine por apenas 5,90/mês

March, Juke e 370Z: aceleramos a linha Nismo da Nissan

Além dos carros de corrida, divisão prepara versões esportivas da marca

Por Paulo Campo Grande - Atualizado em 23 nov 2016, 21h00 - Publicado em 5 Maio 2016, 15h41
Nissan March Nismo
A versão Nismo do Nissan March tem comportamento agressivo, semelhante ? de um kart divulgação/Nissan

Por ocasião de nossa ida ao Japão, para dirigir o Nissan GT-R, entre outras missões, tivemos a oportunidade de conhecer os carros da Nismo, divisão esportiva da Nissan. A Nismo é a responsável pela preparação dos carros de corrida usados pela fábrica em diversas competições pelo mundo e também por uma linha comercial de versões esportivas. Do pequeno March ao superesportivo GT-R, todos os modelos regulares da marca recebem a atenção da Nismo.

Com o lema “Power. Agility. Technology” os projetistas da casa apoiam o desenvolvimento dessas versões em três aspectos: aumento da potência dos motores, redução de peso e retrabalho dos sistemas de suspensão, direção e freios, adaptados para um modo de condução esportivo. O visual também recebe cuidados, com o uso de materiais, cores e grafismo exclusivos. E essas mudanças vêm acompanhadas de equipamentos, como bancos concha e volantes de diâmetro menor, que tornam a experiência ao dirigir ainda mais interessante.

Nissan March Nismo
Todo Nismo recebe ajustes específicos de suspensão, direção e freios

Em função das características originais, cada tem apresenta um comportamento próprio. O March, por exemplo, tem um ajuste de suspensão, direção e freios que lembra um kart. Graças às dimensões compactas de sua cabine, a sensação é que motorista veste o cockpit. Sua direção direta (com volante revestido de Alcântara) facilita as manobras rápidas, e os bancos do tipo concha seguram bem o corpo nas curvas. O motor 1.6 16V com 116 cv de potência e 15,9 mkgf a 3.600 rpm (números levemente melhores que os 111 cv e 15,1 mkgf do March vendido no Brasil) o torna bastante ágil. Segundo a Nissan, ele acelera de 0 a 100 km/h em 10 segundos e atinge 220 km/h de velocidade máxima.   

Nissan March Nismo
March ganha bancos concha e volante revestido de Alcantara

O Juke é o que proporciona a sensação mais inusitada porque, apesar da suspensão elevada, é grudado no chão como um carro de pista. É muito interessante observar o comportamento neutro e obediente do Juke, nas curvas. De acordo com a Nismo, a preparação desse SUV incluiu não só a troca de rodas, pneus, molas e amortecedores, mas também reforços estruturais no monobloco, para dar maior estabilidade ao conjunto. O motor 1.6 turbo tem 190 cavalos e 24,5 mkgf, com transmissão manual de seis marchas e opção de tração integral.

Nissan Juke Nismo
Juke Nismo tem reforços na carroceria e parece grudar no chão, apesar de ser um SUV

Para quem gosta de dirigir esportivamente mas quer um carro que possa ser usado também na cidade, o Nissan Z é a opção na medida certa. Ele tem desempenho superior, graças a um motor V6 de 3,7 litros com 355 cavalos e 38,1 mkgf. Segundo a fábrica faz de 0 a 100 em 5,2 segundos. Ao mesmo tempo em que é dócil para o dia-a-dia, com direção leve, mas ao mesmo tempo, precisa e suspensão firme e confortável. Na versão Nismo, ele teve seu peso aliviado de 1.800 para 1.535 kg e ganhou uma série de implementos estruturais, como amortecedores de chassi que controlam as vibrações para melhorar o controle e a precisão da dirigibilidade.

Nissan 370Z Nismo
Nissan 370Z Nismo acelera de 0 a 100 km/h em 5,2 segundos

Nissan 370Z Nismo
Câmbio manual de 6 marchas fica próximo do volante

O modelo top de linha é o GT-R, que na versão Nismo fica ainda mais nervoso. Comparando com seu par regular, até o som de seu motor é mais agressivo. A potência do V6 3.8 sobe de 550 para 600 cv. E o tempo de aceleração de 0 a 100 km/h desce de 3,3 segundos para 2,7 segundos. Ele também pode rodar nas ruas, mas a sensação é que elas são pequenas para ele que tem como habitat natural as pistas. Como nós pudemos constatar.

Continua após a publicidade
Publicidade