Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Mercedes lança SUVs elétricos EQA e EQB 250 no Brasil ainda em 2022

Versões elétricas dos conhecidos GLA e GLB serão oferecidos, inicialmente, em configuração menos potente e com tração dianteira

Por Henrique Rodriguez, Guilherme Fontana Atualizado em 1 jun 2022, 10h04 - Publicado em 1 jun 2022, 04h00

Entre novidades elétricas, o sedã esportivo (e caro!) EQS não será a única jogada da Mercedes-Benz no Brasil em 2022. Outros dois modelos eletrificados chegarão ainda este ano como alternativas mais baratas ao sedã chancelado pela AMG e ao já conhecido SUV EQC.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

Informações obtidas por QUATRO RODAS apontam que os menores modelos da linha elétrica EQ, os SUVs EQA e EQB, serão lançados no Brasil em breve. Os preços seguem como incógnita: serão os carros elétricos mais baratos da Mercedes, mas dificilmente terão preços abaixo dos R$ 400.000.

Mercedes EQA
Mercedes EQA Divulgação/Mercedes-Benz

Os dois novos Mercedes elétricos seguem a mesma lógica de compartilhamento mecânico e de itens de acabamento de suas versões a combustão, ou seja, os GLA e GLB.

Compartilhe essa matéria via:
Continua após a publicidade

Desta forma, ambos chegarão ao Brasil nas configuração EQA 250 e EQB 250, ambas equipada com um motor elétrico dianteiro de 190 cv e 38,2 kgfm.

Autonomia, potência e tração podem ser customizados
Mercedes-Benz EQB Divulgação/Mercedes-Benz

De acordo com a Mercedes, o conjunto é capaz de levar os SUVs de 0 a 100 km/h em 8,9 segundos. A autonomia declarada é de 426 km em ciclo WLTP. As baterias, de 66,5 kWh, são instaladas no assoalho dos modelos e têm função estrutural.

As variantes elétricas passam por um banho de loja para parecerem modelos independentes, apesar de não negarem os parentescos com GLA e GLB. Ambos adotam conjuntos de faróis e lanternas exclusivos (na traseiras, as lanternas dos EQA e EQB são inteiriças), rodas diferenciadas e para-choques remodelados. O EQB, como no GLB, tem capacidade para levar até 7 ocupantes.

À primeira vista, a grade está lá. Para sorte da aerodinâmica, é apenas uma placa estilizada
À primeira vista, a grade está lá. Para sorte da aerodinâmica, é apenas uma placa estilizada Divulgação/Mercedes-Benz

Por enquanto, a versão 250 será a única oferecida no Brasil. Não estão descartadas, porém, configurações mais potentes equipadas com dois motores e tração integral, como as 300 e 350, disponíveis para os dois modelos na Europa.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)