Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Os Eleitos 2019: os nove SUVs compactos e médios mais queridos pelos donos

Na categoria com mais concorrentes, Nissan Kicks fatura e Renaults decepcionam

Por Zeca Chaves
Atualizado em 7 out 2019, 07h31 - Publicado em 7 out 2019, 07h00

Nissan Kicks: 97,3

(Acervo/Quatro Rodas)

 

Nenhuma outra categoria tem tantos competidores quanto a dos SUVs.

Como a seleção para participar da pesquisa é feita a partir dos modelos mais vendidos do país, nada mais natural do que ver os utilitários esportivos dominarem Os Eleitos.

E foi nesse ambiente superconcorrido que o Kicks sagrou-se campeão, depois de derrotar outros oito adversários. Mais impressionante é que ele conquista o título do segmento pelo terceiro ano consecutivo.

Ao contrário de outras edições, esta vitória foi suada: Kicks e outros quatro adversários ficaram separados entre si por apenas 0,8 ponto.

Assim, fica claro que os detalhes fizeram a diferença. Entre eles, ter o porta-malas mais elogiado do grupo (104,5) e o melhor consumo urbano da turma (92,8 contra 83,3 da média). Também foi muito bem em design (105,5), junto do Captur (105,8) e do Compass (105,7).

Pontuação no anterior: 100,1

Os elogios:

  • Porta-malas
  • Design
  • Consumo Urbano

As críticas:

  • Preço de compra

“O Kicks é um excelente veículo: confiável, bonito, econômico e prático.” Márcia Nogueira Carvalho Arantes, Coxim (MS)

Continua após a publicidade

Chevrolet Tracker: 97,0

Reestilizado há um ano, o Tracker também ficou mais caro para 2018 (Divulgação/Chevrolet)

Não fosse por 0,3 ponto, o Tracker teria ficado com a faixa de campeão no seu retorno a Os Eleitos – ele não participava da pesquisa desde 2016.

A razão do sucesso está em quatro pontos fortes, a maioria ligada ao comportamento dinâmico: tamanho da rede autorizada (104,6 contra 98,8 da média do segmento), facilidade de ultrapassagem (103,6 x 94,9), rapidez de arranque 103,5 x 100,4) e estabilidade (100,4 x 96,3).

Pontuação no anterior: não apareceu

Jeep Compass: 96,9

Jeep Compass Sport 2.0 flex
Jeep Compass Sport 2.0 flex (Fernando Pires/Quatro Rodas)

Eis um modelo que desperta amor e ódio – nas mesmas pessoas. De um lado, elas não se cansam de celebrar suas qualidades. Acesso aos comandos (106,6), espaço interno (104,8), visibilidade (103,5) e consumo rodoviário (99,4) são os itens em que o Jeep bate todos os SUVs.

No outro extremo, é o pior da turma quando o tema vai para o lado da confiabilidade do fabricante (90,3), durabilidade das peças (90,5), facilidade de ultrapassagem (91,2) e rapidez de arranque (94,6).

Pontuação no anterior: 96,9

Honda HRV: 96,5

Touring 1.5 Turbo é a nova versão de topo do HR-V (Christian Castanho/Quatro Rodas)

HR-V e Creta empataram em quarto lugar e por razões semelhantes. No Honda, o espaço é o ponto alto, tanto o interno (104,5 ante 100,9 da média) quanto o do porta-malas (103,4 x 97,8).

Continua após a publicidade

Mas não escapou das críticas em preço de compra (83,2 x 90,7) e nível de equipamentos (92,8 x 95,8).

Pontuação no anterior: 97,6

Hyundai Creta: 96,5

Dianteira da linha 2020 sofreu leves mudanças. DRL desceu e grade e faróis estão mais conectados entre si (Fernando Pires/Quatro Rodas)

O Creta não só alcançou a mesma posição do HR-V na categoria como foi embalado também por porta-malas (101,1 x 97,8 da média) e espaço interno (101,6 x 100,9).

As fraquezas, no entanto, são diferentes, como o consumo de combustível urbano (78,0 x 83,3) e rodoviário (88,2 x 93,2).

Pontuação no anterior: 98,7

Renault Captur: 95,8

As belas rodas de 17 polegadas são as mesmas da versão Zen, mas têm acabamento diamantado na Intense
As belas rodas de 17 polegadas são as mesmas da versão Zen, mas têm acabamento diamantado na Intense (Christian Castanho/Quatro Rodas)

Quando a conversa é custo, os donos de Captur logo abrem um sorrisão. Ele é quase imbatível em seguro (100,9), preço de compra (95,1) e das peças (91,4) – e ainda agrada como nenhum outro em design (105,8).

Mas é a maior decepção em consumo urbano (74) e rodoviário (86,6) e acabamento (89,4).

Continua após a publicidade

Pontuação no anterior: não apareceu

Ford EcoSport: 95,7

(Acervo/Quatro Rodas)

Seu dono vive uma montanha-russa de emoções. É o melhor de todos em rapidez de arranque (105,1) e nível de equipamentos (99,2) e o pior em espaço interno (92,6) e visibilidade (95,5).

Nesse sobe e desce de sentimentos, ficou mal colocado no grupo, com um sétimo lugar.

Pontuação no anterior: 96,4

Jeep Renegade: 95,4

Jeep Renegade para PcD (Acervo Quatro Rodas/Quatro Rodas)

Ele parece que tem dupla personalidade. Às vezes, encanta o motorista de modo avassalador. É assim com design (104,6 x 102,5) e acabamento interno (101,6 x 95,6).

Em outros momentos, chega a causar raiva, que é o caso de consumo na cidade (78 x 83,3) e espaço do porta-malas (87,4 x 97,8).

Pontuação no anterior: 94,7

Renault Duster: 94,8

Faróis ganharam luzes de led na atualização visual de dois anos atrás (Rodolfo Buhrer/Divulgação)

Não bastasse o Duster ser o último dos SUVs, ainda foi o 28o colocado dos 34 da classificação geral.

Continua após a publicidade

Portanto, nada mais lógico o Renault se destacar pelos aspectos negativos, como valor de revenda (87,5 x 94,3 da média), nível de ruído (89,1 x 93,5 da média) e consumo rodoviário (90,9 x 93,2).

Pontuação no anterior: não apareceu

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.