Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Sono Sion é movido a energia solar e custa menos que e-208 e Zoe

Sono Sion tem 160 cv e pode carregar mais 112 km por semana utilizando suas 458 células solares

Por João Vitor Ferreira 5 ago 2022, 16h46

Se o tempo de recarga ainda pode ser um entrave para alguns carros elétricos, o Sono Sion aproveita uma energia que, pelo menos por enquanto, é gratuita. O novo carro elétrico alemão pode usar a energia solar como sua principal fonte de recarga.

O Sono Sion entrou em pré-venda e está sendo anunciado como o primeiro veículo movido a energia solar no mercado europeu.

Sono Sion traseira estudio
Sono Motors/Divulgação

Foram necessários cinco anos de desenvolvimento até que a versão de produção do modelo fosse aprovada e tudo isso só ocorreu por causa da parceria da alemã Sono Motors com a montadora Valmet Automotive, que será capaz de produzir 257.000 unidades do veículo por ano.

Compartilhe essa matéria via:

O acordo entre as empresas foi firmado há poucos meses e sua pré-venda fechada foi iniciada. Os primeiros clientes tinham que pagar um sinal de 2.225 euros e o preço final chegava a 28.500 euros, um pouco mais de R$ 152.000 na cotação atual.

Sono Sion dianteira na rua
Sono Motors/Divulgação

Agora com a pré-venda pública, o valor da reserva caiu para 500 euros, mas o preço final aumentou para 29.900 euros, equivalente a R$ 159.543.

Mesmo assim, ele é mais barato do que outros elétricos mais conhecidos vendidos no mercado europeu, como o Peugeot e-208 (32.120 euros), Renault ZOE (34.780 euros) e o Hyundai Kona elétrico (36.350 euros).

Continua após a publicidade

Suas vantagens não se resumem apenas ao preço. Com seu porte de minivan compacta, o Sion também é mais espaçoso e até mais potente do que alguns destes.

Sono Sion traseura
Sono Motors/Divulgação

Mede 4,47 m de comprimento, 1,83 metros de largura, 1,66 metros de altura, leva até cinco pessoas e tem bons 650 litros de capacidade no porta-malas, bem maior do que dos três rivais citados.

Mas o que empolga no monovolume é o seu conjunto mecânico. A bateria de fosfato de ferro lítio tem capacidade de até 54 kWh e promete uma autonomia de 305 km. Ela alimenta um único motor de 160 cv (mais potente que Zoe e e-208) e 27,53 kgfm.

Sono Sion painéis
As placas solares estão espalhadas por todo o carro e, em condições favoráveis, pode dar carregar até 112 km de autonomia por semana Sono Motors/Divulgação

É possível carregá-lo da maneira convencional. Em estações mais rápidas, a Sono declara um tempo de 35 minutos para carga total e nas tomadas domésticas o tempo sobe para 12 horas e meia.

Sono Sion interior
Interior tem uma pegada mais moderna e oferece central multimídia de 10” com Apple CarPlay e Android, atualizações de software pelo ar e um exclusivo aplicativo de carsharing Sono Motors/Divulgação

Entretanto, o Sion também tem um total de 458 células solares espalhadas pelo teto, capô e lateral, que são capazes de regenerar até 112 km de autonomia por semana. Isso não chega perto do que foi anunciado para o Lightyear 0, modelo que pode andar por 7 meses sem carregar, mas ele é o primeiro a ser totalmente coberto com painéis solares e otimizar o uso dessa energia mais limpa.

A fabricação do Sono Sion começará na segunda metade de 2023, logo, é provável que as primeiras entregas sejam feitas no final do próximo ano.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês