Clique e assine por apenas 8,90/mês

Segredo: Nissan March nacional não terá adaptação; Kicks híbrido será flex

Segundo apuramos, hatch chegará às lojas do Brasil depois de 2021; SUV terá motorização exclusiva para nosso mercado

Por Gabriel Aguiar - 18 jul 2019, 18h53
Vincos e linha de cintura ascendente: ar esportivo
Micra, versão europeia do March, é totalmente diferente do nosso Divulgação/Nissan

O novo Nissan March não será uma adaptação do modelo europeu. Segundo QUATRO RODAS apurou, a possibilidade chegou a ser cogitada, mas o projeto mudou no meio do caminho.

O novo rumo ainda não foi detalhado, mas uma coisa é fato: a nova geração não chegará às lojas antes de 2021. Até lá, a atual geração do hatch continuará à venda e pode até ser novamente reestilizada.

Nova geração do Versa chegará ao Brasil em 2020 Divulgação/Nissan

Por outro lado, a nova geração do Versa – mostrada no início deste ano no Salão de Nova York – só deverá chegar às concessionárias brasileiras (importada do México) no fim de 2020.

Sistema e-Power vendido no Brasil será flex, diferentemente do Note Ivan Carneiro/Quatro Rodas

Já o Kicks e-Power, versão híbrida do SUV, só deverá chegar às lojas em dois anos e terá motor a combustão adaptado para ser flex. A marca ainda não tinha revelado detalhes do conjunto.

Continua após a publicidade

QUATRO RODAS já experimentou a peculiar tecnologia e-Power, que impulsionará o SUV nacional e que faz sucesso com o monovolume Note no Japão. Relembre como ela funciona.

Por fim, o SUV médio X-Trail, que até veio ao último Salão do Automóvel de São Paulo, não será vendido ao Brasil enquanto não trocar de geração, algo que acontecerá no fim deste ano na Europa.

Publicidade