Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Rua que recarrega carros elétricos enquanto trafegam é inaugurada nos EUA

Recarga por indução evitaria longos períodos de parada nos eletropostos e tem potencial promissor, com testes ocorrendo nos EUA

Por Julio Cabral
Atualizado em 6 Maio 2024, 17h08 - Publicado em 30 nov 2023, 19h09

A primeira via com carregamento de carros elétricos por indução foi inaugurada em Detroit, nos Estados Unidos. Por enquanto, é apenas um trecho da rua 14, no bairro de Corktown, entre as vias Marantette e Dalzelle, mas o objetivo é testar a tecnologia de recarga por indução para usos mais ambiciosos.

São apenas 402 metros, o equivalente ao quarto de milha — medida usada para aferir o desempenho de aceleração de carros no sistema imperial usados pelos EUA. O percurso será usado para testar e aperfeiçoar a tecnologia no mundo real, tudo antes de lançar o recurso ao público geral, o que deve acontecer nos próximos anos. Outros trechos de teste serão inaugurados a partir do ano que vem, em uma expansão que incluirá a famosa avenida Michigan. Além de automóveis e vans, o teste também incluirá meios de transporte público. 

Da mesma maneira que os celulares, não são todos os modelos que podem ser recarregados dessa maneira. Os veículos de teste têm que ser equipados com receptores da Electreon, parceira do projeto. A empresa norte-americana fechou uma parceria de cinco anos com o governo de Michigan para desenvolver o projeto de ruas elétricas. A van Ford Transit é o primeiro modelo a ser usado. 

Ford Transit trafega em trecho de rua equipada com recarga sem fio
Ford Transit trafega em trecho de rua equipada com recarga sem fio (Divulgação/Divulgação)

Vias com carregamento sem fio prometem ser uma das soluções para aumentar o alcance ou amenizar a limitação da rede de recarga dos veículos elétricos; o que poderia permitir o uso de baterias menores e mais leves.  A tecnologia é baseada no acoplamento entre bobinas de cobre instaladas abaixo da superfície das vias e os receptores. A transferência sem fio é feita por meio de um campo magnético induzido. 

Continua após a publicidade
Jeep Compass
Funcionamento é parecido com o de carregadores sem fios de smartphones (Fernando Pires/Quatro Rodas)

O veículo não precisa estar em movimento, uma vez que o carregamento também pode ser feito com ele parado ou estacionado — ou seja, funciona de maneira dinâmica ou estática. Para recarregar os modelos de teste da Electreon quando eles não estão sendo usados, dois carregadores estáticos foram instalados na frente da Estação Central de Michigan.

Como uma forma de evitar desperdício de energia, apenas o segmento pelo qual trafega o veículo compatível será energizado, dispensando a necessidade de eletrificação permanente, de forma que a tecnologia funcione sob demanda. Além disso, não há riscos de choques para pessoas, animais ou outros objetos.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.