Clique e assine por apenas 8,90/mês

Renault Arkana: SUV cupê já está registrado no Brasil e chega até 2021

Modelo virá equipado com novo motor 1.3 turbo e custará mais de R$ 100 mil, para concorrer com futuro SUV cupê derivado da Fiat Toro

Por Henrique Rodriguez e Leonardo Felix - 19 fev 2019, 17h06
É o caimento acentuado da traseira que separa o Arkana do Captur Divulgação/Renault

Futuro SUV cupê da Renault para mercados emergentes, o Arkana teve seu desenho registrado no arquivo de patentes brasileiro.

Não foi por acaso: conforme apurado por QUATRO RODAS, ele começará a ser vendido no Brasil entre o final de 2020 e início de 2021.

Design do conceito já está patenteado no Brasil Reprodução/Internet

A fabricante francesa já havia se antecipado e registrado a patente de algumas peças do novo SUV, que será o modelo mais caro da marca no Brasil.

Por enquanto, os desenhos ainda retratam o conceito apresentado no final do ano passado na Rússia, durante o Salão de Moscou.

A boa notícia é que a versão definitiva, que será mostrada ainda neste ano, terá poucas diferenças, como retrovisores funcionais e rodas um pouco menores.

Algumas peças também já estão registradas Reprodução/Internet

O SUV cupê é baseado na plataforma B0+, uma versão atualizada da atual B0 de Captur, Logan, Sandero e Duster. Isso facilitará o processo para fabricá-lo em São José dos Pinhais (PR).

Continua após a publicidade

Aliás, o SOP (“start of production” ou simplesmente início da produção, na tradução do inglês) está marcado originalmente para setembro de 2020. O projeto é conhecido internamente como LJC.

Resta saber se dará tempo de iniciar as vendas já no fim do próximo ano ou se elas ficarão para o primeiro trimestre de 2021.

Design do Arkana antecipa futura reestilização do Captur Divulgação/Renault

Seu design frontal mais atual e alinhado com os modelos recentes da Renault, como o novo Mégane, ainda servirá de base para o primeiro facelift do SUV Captur.

Além disso, o modelo deve contar com o motor 1.3 Energy TCe turbo com injeção direta de até 170 cv, que foi desenvolvido em parceria com a Daimler e também pode equipar a nova geração do Duster.

O Renault Arkana deverá ocupar a faixa entre R$ 110 mil e R$ 150 mil, concorrendo com o futuro SUV cupê derivado da Fiat Toro, cujo conceito foi apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo, no fim do ano passado.

Será uma opção relativamente barata de SUV cupê, oferta hoje limitada às marcas premium, com os BMW X4 e X6 e os Mercedes GLC Coupé e GLE Coupé.

Continua após a publicidade
Publicidade