Pelo mesmo preço, você vai de Fox ou Novo Polo?

R$ 400 mais barato que o Polo, o VW Fox 1.6 tem pacote de equipamentos mais farto

Versões remanescentes do Fox têm os mesmos preços do Polo 1.6

Versões remanescentes do Fox têm os mesmos preços do Polo 1.6 (Divulgação/Volkswagen)

A Volkswagen diz que o Fox não vai morrer com a chegada do Polo, mas decidiu enxugar a gama de versões do hatch. De seis versões (contando o CrossFox), passou a ter apenas duas: a Connect, por R$ 54.590, e a Xtreme, por R$ 57.590.

Isso, com o Polo 1.6 MSI tabelado em 54.990. Faz sentido?

Significativamente maior, o Polo também é mais seguro que o Fox, com projeto de 14 anos. Tem de série airbags laterais e Isofix para fixação de cadeirinhas infantis, além de aços de altíssima resistência na estrutura e o respaldo das cinco estrelas nos testes do Latin NCAP.

O Polo 1.6 sai com rodas de aro 15″ e calotas

O Polo 1.6 sai com rodas de aro 15″ e calotas (Divulgação/)

O Polo é seguro, mas não é equipado. A versão de entrada, que custa R$ 49.990 com motor 1.0 aspirado de 84 cv e R$ 54.990 com motor 1.6 16V aspirado de 117 cv, não tem equipamentos triviais nem entre os opcionais.

Faltam, por exemplo, sensores de estacionamento traseiros, faróis de neblina, ajuste elétrico dos retrovisores e ajuste de altura e profundidade da coluna de direção. Os dois últimos equipamentos eram de série no Fox Trendline 1.0, antiga versão de entrada de R$ 47 mil, e estão no Move Up! 1.0 aspirado de R$ 48.790.

De série, o recém-chegado Polo vem equipado com sistema de som simples, mas dotado de USB e Bluetooth

De série, o recém-chegado Polo vem equipado com sistema de som simples, mas dotado de USB e Bluetooth (Divulgação/Volkswagen)

A primeira conclusão é a de que o Polo precisa ou de novos pacotes de opcionais ou de uma versão Comfortline 1.6.

Mas por R$ 400 reais a menos existe o Fox Connect. Ele peca por não ter airbags laterais, nem Isofix. E seu último teste de colisão rendeu quatro estrelas nas normas antigas do Latin NCAP, quando ainda não havia teste de colisão lateral nem exigência de controle de estabilidade para compor as notas. 

Mas o Fox tem de série equipamentos vistosos como faróis de neblina, retrovisores elétricos, volante multifuncional, piloto automático, sensores de estacionamento traseiros, computador de bordo I-System, coluna de direção com ajustes de altura, rodas de liga leve aro 15″ e profundidade e central multimídia com tela sensível ao toque de 6,5 polegadas com Android Auto e Apple CarPlay.

Pacote do Fox Connect lembra o da antiga série Run

Pacote do Fox Connect lembra o da antiga série Run (Divulgação/Volkswagen)

O Polo básico tem um sistema de som simples com Bluetooth. A central Composition Touch, um aparelho mais recente que o Composition Media e que também tem espelhamento da tela do smartphone e compatibilidade com Android Auto e Apple CarPlay, é opcional em um pacote de R$ 2.600.

Este pacote também contempla controles de estabilidade e tração, computador de bordo i-System, rodas de liga leve aro 15″ e volante multifuncional. Mas eleva o preço do Polo 1.6 aos mesmos R$ 57.590 do Fox Xtreme. 

Rodas de liga leve aro 15″ são de série no Fox

Rodas de liga leve aro 15″ são de série no Fox (Divulgação/Volkswagen)

A diferença entre os Fox Connect e Xtreme é simples: tem volante multifuncional revestido de couro e a câmera de ré, além dos para-choques, saias laterais, molduras das caixas de roda, faróis e grade antes usados pelo Fox Pepper, e do rack de teto do Fox Track. 

Tanto o Polo como o Fox têm motor 1.6. Mas enquanto o Fox usa o velho 1.6 8V de 104 cv e 15,6 mkgf de torque, o Polo usa o 1.6 16V MSI de 117 cv e 16,5 mkgf de torque, mais potente e eficiente. 

Fox também tem central multimídia de série

Fox também tem central multimídia de série (Divulgação/Volkswagen)

Isso fica mais claro na pista. A Volkswagen divulga 0 a 100 km/h de 10,6 s para o Fox, enquanto o Polo cravou 9,6 s – exatamente um segundo a menos.

Com gasolina, o Fox faz médias de 10,4 km/l na cidade e 11,8 km/l na estrada. O Polo, com o mesmo combustível, faz 12 km/l na cidade e 13,9 km/l na estrada.

O Fox Xtreme tem pegada aventureira

O Fox Xtreme tem pegada aventureira (Divulgação/Volkswagen)

Se o Polo está do lado do espaço, da segurança e da eficiência, o Fox tem equipamentos de conforto e conveniência como principal trunfo. De qual lado você está?

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

  1. Douglas Godoi

    Pelo mesmo valor porque eu compraria um carro menor com uma arquitetura de 14 anos atrás que já está com seus dias de produção contados?

  2. Romano Vargas

    Olha é conveniente comprar o Polo pelo que ele oferece diante da concorrência numa faixa de preços bastante competitivo, principalmente quando vier a versão Comfortline.
    O Fox é um grande guerreiro se sair de cena vai sair vendendo bem.
    Mas o interessante é que agora o UP vai fazer todo o sentido!

  3. Paulo Sanches

    O FOX é muito caro pelo que oferece frente aos concorrentes atuais e o Polo , parece meio peladão…

  4. Sergio Augusto

    Vw Polo ? um Golzinho equipado para ser chamado de Golfinho rs rs rs !! essa VW cada vez pior.

  5. Fernando Gonçalves da Costa

    Credo!!!!! VW Polo ..kkkkkk É um Gol europeu,,kkkkkk

  6. Nenhum dos dois.