Clique e assine por apenas 8,90/mês

Flagra: novo VW Tiguan é visto na Europa com frente inspirada no Golf

Flagra foi feito pela página Vagcars Italy e a placa do veículo entrega que ele estava rodando pelo velho continente

Por Renan Bandeira - Atualizado em 13 fev 2020, 07h43 - Publicado em 13 fev 2020, 07h00
Vagcars Italy/Reprodução

O facelift da atual geração do Volkswagen Tiguan foi fotografado antes de sua estreia oficial, que deve acontecer no Salão do Automóvel de Genebra (Suíça), no próximo mês.

O registro foi feito pela página Vagcars Italy, do Instagram, e entrega todo o novo visual do modelo, que ganhou faróis em led bipartidos inspirados na nova geração do Golf.

Dianteira do novo Golf Divulgação/Volkswagen

A grade do SUV segue como a do modelo atual, com três linhas horizontais cromadas, assim como o pára-choque, que ganhou detalhes cromados.

Ainda não há outros detalhes sobre a reestilização, mas já podemos observar que a foto é de uma das versões mais completas do Tiguan, por conta de suas rodas de liga leve escurecidas e o acabamento externo.

Continua após a publicidade
Vagcars Italy/Reprodução

Segundo o site indiano, Indian Autos Blog, o SUV ainda pode ganhar um novo pára-choque traseiro, lanternas de led e o nome do veículo escrito em letras maiúsculas na traseira.

Além disso, o volante deve ficar menor; o painel de instrumentos deve ganhar quadro de instrumentos 100% digital; o veículo pode ganhar ainda a interface de navegação e entretenimento MIB 3, tal qual o novo Golf.

Porém, as mudanças não devem ficar só no visual, o modelo pode herdar também algumas versões de motores do novo Golf, inclusive a variante híbrida GTE, cotada para vir ao Brasil em 2021.

Vale lembrar que um vazamento de dados do hatch médio alemão mostrou que o veículo terá cinco variações. A mais mansa é a diesel com um 2.0 TDI de 200 cv, que promete ser mais eficiente que as demais variantes – menos GTE.

Continua após a publicidade

A GTE vem logo em seguida com a segunda geração de seu híbrido plug-in com 244 cv. Ela é seguida de perto pelo GTI com 2.0 TSI de 245 cv e que poderá ter um sistema híbrido leve de 12 volts.

O GTI TCR é uma evolução da versão convencional. Ele mantém o mesmo motor do lendário hot hatch mas recebe alguns ajustes que elevam sua potência para 300 cv.

Mais potente que ele, apenas a versão R que tem 333 cv de potência e tração integral.

Opções não faltam, mas resta saber qual dos trens de força pode equipar a linha 2021 do Tiguan.

Continua após a publicidade

No Brasil, o SUV é importado do México apenas na configuração Allspace, com entre-eixos estendido, opção de cinco ou sete lugares e motores 1.4 turbo flex (150 cv) ou 2.0 TSI a gasolina (220 cv).

Publicidade