Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Jeep Renegade Turbo vence o Melhor Compra 2022; Kwid elétrico é destaque

Em meio a tantas novidades, boas e ruins, preparamos este guia para ajudar o leitor a escolher seu próximo carro. Confira os vencedores de cada categoria!

Por Eduardo Passos, Henrique Rodriguez e Paulo Campo Grande* Atualizado em 9 ago 2022, 17h31 - Publicado em 4 ago 2022, 20h45

O mercado de automóveis vive um momento sui generis, no Brasil. De um lado, falta carro nas lojas, por escassez de componentes. Do outro, os modelos não param de ficar mais caros. Além dos estímulos externos, guerra, pandemia, dólar, há os internos: as fábricas estão renovando suas linhas, motivadas não só pela evolução natural (tecnológica, estilística e conceitual) como também pela entrada em vigor de novos limites de emissões.

Tudo isso estimula os preços a subirem, autorizados também em consequência da demanda reprimida que surge nesse cenário de pouca oferta e novos produtos.

Paralelamente, existe um movimento das marcas (que perceberam que, mesmo caros, os carros encontram compradores) de aumentar o valor agregado dos modelos, oferecendo versões esportivadas. Nos últimos meses houve o aparecimento de versões GR-S (Toyota), N-Line (Hyundai), RS (Chevrolet) e Abarth (Fiat). Ou seja: a única certeza que o consumidor tem hoje é de que vai pagar mais caro pelo carro zero.

Compartilhe essa matéria via:

Como bons conselheiros, nossa recomendação é manter a calma nessa hora, estudar o mercado sem pressa e escolher o modelo desejado, ou que atende as necessidades, criteriosamente.

O levantamento do Melhor Compra 2022 foi feito em julho. Mesmo com essas eventuais oscilações, chegamos a uma análise clara das vantagens e desvantagens de cada opção que o consumidor encontrará. Como ocorre todos os anos, modelos lançados no mês ficam de fora pela dificuldade de uma avaliação criteriosa, tanto no que diz respeito ao contato com o veículo quanto à apuração dos valores considerados.

Vamos aos grandes ganhadores!

Melhor Melhor Compra 2022 – Jeep Renegade Longitude 1.3 GSE Turbo

O antigo motor 1.8 E.torQ não impediu o Jeep Renegade de fazer sucesso, mas foi o novo 1.3 GSE Turbo que o trouxe até aqui

renegade longitude
Arte/Quatro Rodas

O Jeep Renegade não é novidade. Foi lançado no Brasil em 2015, mas seu sucesso se estende até agora, sete anos depois. Sua estreia marcou a transformação da Jeep de importadora de atuação morna em uma das grandes fabricantes do Brasil, com a fábrica de Goiana (PE). E conseguiu tudo isso mesmo com o motor 1.8 E.torQ de 139 cv, com desempenho e consumo ruins.

A partir da linha 2022, porém, o SUV compacto passou a ter novos equipamentos de segurança de série e um motor turbo, além da boa suspensão, do visual bruto incomum no grande vencedor
segmento e da sensação de amplitude e de qualidade percebida na cabine.

Novo Jeep Renegade Longitude
Divulgação/Jeep

Agora, desde a versão de entrada Sport, de R$ 129.990, o Jeep Renegade tem os mesmos motor 1.3 GSE Turbo de 185 cv e 27,5 kgfm e câmbio automático de seis marchas de Compass
e Fiat Toro, mas com casamento mais agradável. Por tabela, o tempo de 0 a 100 km/h baixou de 15 para 8,9 s. O consumo melhorou de 9,6 para 11 km/l na cidade e de 12 para 14,2 km/l
na estrada, com gasolina.

Novo Jeep Renegade Longitude
Divulgação/Jeep

Também ganhou seis airbags, faróis full-led, assistente de permanência em faixa e frenagem de emergência de série, coisas que só os Compass mais caros têm. A versão Longitude, de R$ 145.490, soma dois equipamentos desejados e que podem facilitar uma futura revenda: couro nos bancos e quadro de instrumentos digital, daí a indicação desta versão ao posto de Grande Vencedor. E ainda é o mais em conta em sua categoria.

Entre os rivais, o Renegade, que só faz cinco revisões até os 60.000 km, tem a soma dos serviços R$ 350 mais cara que a do Corolla Cross, o segundo colocado em sua categoria. Mas o Renegade tem o seguro mais barato: praticamente a metade do que se cobra para o Toyota.

Destaque Melhor Compra 2022 – Renault Kwid E-Tech

Com uma proposta ousada de carro elétrico urbano, o Renault Kwid E-Tech motivou a criação desta inédita indicação neste guia

kwid elétrico
Arte/Quatro Rodas

Este ano, além do Grande Vencedor, decidimos apontar também um carro que no presente não tem todos atributos para ser a principal indicação do guia, mas tem potencial. E quem nos estimulou a eleger o Destaque do Ano foi o Renault Kwid E-Tech, a primeira grande experiência de uma fábrica em um segmento ainda inexistente no Brasil: o dos elétricos urbanos.

Compartilhe essa matéria via:

Ainda que o subcompacto já tenha perdido o posto de EV mais barato do país para o Caoa Chery iCar, ele goza de algo extremamente importante para quem terá seu primeiro carro a baterias: confiança, fruto de décadas de operação da Renault no país. Com ampla rede concessionária, clientes de longa data e um prestígio que as chinesas ainda buscam, caberá ao modelo a tentativa mais promissora de, realmente, ser o primeiro elétrico minimamente popular do país.

Renault Kwid E-Tech Eletrico traseira
Divulgação/Renault

Por R$ 146.990, ele é tão acessível quanto um SUV intermediário, e os números da pré-venda mostram que muita gente está disposta a abrir mão de mais espaço e conforto por propulsão elétrica. Ainda que tenha meros 65 cv e 11,5 kgfm, seu desempenho na cidade tende a ser muito prazeroso, e a operação quase idêntica à do Kwid 1.0 faz dele um ótimo “curso” de eletrificação. Boas vendas estimularão a infraestrutura de carregamento além do Sudeste, e será possível descobrir os desafios de se vender um elétrico em massa no Brasil.

É uma aposta ousada da Renault, que vê no E-Kwid a oportunidade de abrir vantagem muito importante no segmento dos EVs. Com mais de 100 concessionárias prontas e um projeto bem apresentado, não é impossível de o Kwid E-Tech ser, nos próximos anos, o carro elétrico que nos acostumemos a ver por aí.

Confira os ganhadores das 29 categorias do Melhor Compra:

Melhor Compra 2022 – Carros de entrada até R$ 75.000

Melhor Compra 2022 – Carros até R$ 85.000

Melhor Compra 2022 – Carros até R$ 90.000

Melhor Compra 2022 – Carros até R$ 100.000

Melhor Compra 2022 – Carros até R$ 120.000

Melhor Compra 2022 – Carros até R$ 150.000

Melhor Compra 2022 – Carros até R$ 200.000

Melhor Compra 2022 – Carros até R$ 250.000

Melhor Compra 2022 – Carros até R$ 300.000

Melhor Compra 2022 – Carros acima de R$ 300.000

 

Continua após a publicidade

Melhor Compra 2022 – SUVs compactos até R$ 120.000

Melhor Compra 2022 – SUVs compactos e médios até R$ 170.000

Melhor Compra 2022 – SUVs médios até R$ 220.000

Melhor Compra 2022 – SUVs médios até R$ 270.000

Melhor Compra 2022 – SUVs de luxo acima de R$ 300.000

 

Continua após a publicidade

Melhor Compra 2022 – Picapes leves e intermediárias até R$ 150.000

Melhor Compra 2022 – Picapes leves e intermediárias acima de R$ 150.000

Melhor Compra 2022 – Picapes médias até R$ 250.000

Melhor Compra 2022 – Picapes médias acima de R$ 250.000

 

Continua após a publicidade

Melhor Compra 2022 – Carros esportivos com até 350 cv

Melhor Compra 2022 – Carros esportivos até 500 cv

Melhor Compra 2022 – Carros esportivos acima de 500 cv

Melhor Compra 2022 – Carros conversíveis até 350 cv

Melhor Compra 2022 – Carros conversíveis acima de 350 cv

 

Continua após a publicidade

Melhor Compra 2022 – Carros híbridos até R$ 300.000

Melhor Compra 2022 – SUVs híbridos acima de R$ 300.000

Melhor Compra 2022 – Carros elétricos até R$ 300.000

Melhor Compra 2022 – Carros elétricos acima de R$ 300.000

Como é feita a apuração do Melhor Compra

Aqui, neste guia, selecionamos as melhores ofertas em 28 categorias, divididas por tipo de carroceria e faixa de preço ou potência, para ajudar na decisão. Considerando que em cada categoria existem três indicações, na ordem de classificação, apresentamos 84 modelos, que foram selecionados entre os cerca de 2.000m(carros de passeio e comerciais leves) existentes no mercado, em um processo em dois turnos.

No primeiro, a redação escolheu cinco finalistas em cada categoria, baseada no histórico dos carros e das marcas entre nós. No segundo, a indicação dos melhores foi feita com base no levantamento de preço; desvalorização; custo de seguro, peças e revisões; oferta de equipamentos de série e tamanho da rede autorizada.

Sempre contando com nossos parceiros KBB Brasil, Suiv e TEx, além de informações fornecidas pelas próprias fábricas.

A instabilidade dos preços configurou um desafio extra para a definição das categorias e, além de estudar bem as faixas de preços, aumentamos nossa tolerância na hora de encaixar os valores de determinados modelos, dentro de suas categorias.

Para citar apenas um exemplo de grande variação (a maior) nas tabelas das fábricas, podemos mencionar o caso do Toyota RAV4, que custava R$ 301.140, no início das pesquisas, e passou a R$ 314.890, no fechamento. Ou seja, R$ 13.750 de diferença.

*Colaboraram com o Melhor Compra 2022 Alexandre Ule Ramos, Bruno Santos, Fernando Miragaya, Hairton Ponciano Voz, Isadora Carvalho, João Vitor Ferreira e Waldez Amorim

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês