Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Carros novos têm desconto de até R$ 75.000 para alavancar as vendas

Jeep Gladiator foi o modelo com a maior redução, Chevrolet S10 ficou até R$ 33.000 mais barata e os Caoa Chery iCar e Tiggo 8 Pro baixaram R$ 30.000

Por Guilherme Fontana Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 14 out 2023, 15h48 - Publicado em 18 set 2023, 11h02

O programa do governo federal que promoveu descontos em carros novos acabou em julho, mas, depois disso, diversas fabricantes seguiram reduzindo os preços de seus modelos de forma significativa. Desta vez, porém, os motivos para os descontos são outros, e o principal deles é o mais mercadológico possível: a concorrência.

Os elétricos de entrada deixaram claro que nada como um bom concorrente para se promover descontos. Com vendas em alta, o BYD Dolphin chegou com preço equivalente ao de seus rivais (R$ 149.800), mas superior como produto. Assim, todos os seus oponentes ficaram mais baratos: o Kwid E-Tech teve redução de R$ 10.000, e o JAC E-JS1, de R$ 6.000.

Elétrico da GWM será rival direto do BYD Dolphin

O Caoa Chery iCar foi além e ficou R$ 30.000 mais barato, chegando aos R$ 119.990, preço equivalente ao de um Hyundai HB20 Platinum Plus (a combustão).

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:

Entre as picapes, a nova Ford Ranger parece ser a causa de descontos. A Chevrolet S10 ficou até R$ 33.000 mais barata na linha 2024. A Nissan Frontier viu seus preços caírem até R$ 10.000 na linha 2024 – que está mais equipada. Por outro lado, a Ford também promoveu descontos na Maverick, ficando R$ 20.000 mais barata. Seria efeito da Ram Rampage, neste caso?

Nova Ford Ranger Limited testada por QUATRO RODAS
Nova Ford Ranger Limited testada por QUATRO RODAS (Fernando Pires/Quatro Rodas)

Outros modelos tiveram reduções ainda maiores, como a picape Jeep Gladiator. A marca não falou o motivo, mas o volume de vendas tímido aponta que a intenção é tornar o preço da picape um pouco mais atraente. Com R$ 75.000 de desconto, ela chegou a partir de R$ 424.990. Porém, já voltou a custar R$ 499.990.

Continua após a publicidade

Assim como a Maverick, o Bronco também ficou mais em conta. O modelo ficou R$ 20.000 mais barato e passou a custar R$ 252.790, menos do que o cobrado em seu lançamento, quando ele partia dos R$ 256.900. Assim, o modelo ficou com preço de Compass diesel e, por isso, mais atraente no mercado.

Caoa Chery Tiggo 8 PRO Plug-in Hybrid 
(Divulgação/Caoa Chery)

Quem tem promovido mais reajustes deflacionados é a Caoa Chery. Além do já citado iCar, a marca também barateou o sedã Arrizo 6 Pro Hybrid em R$ 22.500 (agora ele sai por R$ 129.990, equivalente aos sedãs compactos topo de linha), e os SUVs Tiggo 8 Max Drive (R$ 5.000 mais barato), Tiggo 5X Pro Hybrid Max Drive (também R$ 5.000 de desconto) e o Tiggo 8 Pro Plug-in Hybrid, que teve redução de R$ 30.000.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.