Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Teste: Fiat Pulse 1.3 manual é versão de entrada com equipamentos de topo

A versão mais barata do Pulse mostra que dá para custar menos sem exigir grandes sacrifícios do consumidor

Por Guilherme Fontana Atualizado em 19 abr 2022, 22h51 - Publicado em 20 abr 2022, 14h00
Pulse Manual
Fiat Pulse 1.3 manual Fernando Pires/Quatro Rodas

Pensadores dizem que “é na simplicidade que se encontra o essencial”. Na indústria automobilística esse pensamento pode ser contraditório. Porém, ainda há casos em que a frugalidade das versões de entrada ganham um destaque positivo.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

É o caso do Fiat Pulse equipado com câmbio manual, que parte dos R$ 89.990 e mostra que a versão mais barata não é necessariamente a mais espartana ou, como se diz no mercado, a pé de boi.

Pulse Drive Manual
Maçanetas e retrovisores sem pintura identificam a versão mais barata da linha Fernando Pires/Quatro Rodas

A lista de equipamentos do Pulse de entrada passa longe de ser despojada. Ele não tem chave presencial, sistemas semiautônomos, câmera de ré ou quadro de instrumentos digital, mas traz, de série, ar-condicionado digital automático, faróis e lanternas de led (incluindo luz diurna), piloto automático, sensores de estacionamento traseiros, ESP, sensores de pressão de pneus, sistema de tração TC+ e quatro airbags.

A central multimídia de 8,4” tem Android Auto e Apple CarPlay sem fio, e USB dos tipos A e C. Não há necessidade de uma tela maior, mas há a opção de 10,1”, oferecida como opcional. Se você gostar do visual, vale considerar, já que o upgrade custa apenas R$ 983.

Pulse 1.3 Manual
Faróis de LED são de série até no Pulse de entrada Fernando Pires/Quatro Rodas

Por fora, os únicos detalhes que denunciam que este é o Pulse mais barato são os retrovisores e as maçanetas sem pintura. Também não há faróis de neblina (presentes apenas na configuração topo de linha) e as rodas de 16 polegadas são as mesmas das outras versões (a exceção fica também com a mais cara).

Pulse 1.3 Manual
Nada de calotas! As rodas são as mesmas das demais versões Fernando Pires/Quatro Rodas

Talvez o Pulse Drive manual tenha como principal problema o acabamento simples. No painel, por exemplo, apenas um friso prateado e os detalhes do mesmo tom no volante quebram o aspecto monocromático do preto. As peças mesclam diferentes texturas, todas de aparência simples, e ficam devendo encaixes e alinhamentos melhores (o que não é um problema relacionado ao conteúdo).

Pulse Drive 1.3 Manual
Acabamento do modelo é simples, mas não falta nada Fernando Pires/Quatro Rodas

Apesar disso, os comandos do ar-condicionado são os mesmos do Pulse Impetus, de R$ 125.590, e os bancos são revestidos de tecidos de boa qualidade, com toque e densidade agradáveis.

O quadro de instrumentos predominantemente analógico tem ótima leitura e fácil manuseio. Ainda por dentro, ele se sai bem no espaço interno, com uma boa acomodação para quem vai atrás (que tem à disposição apenas um USB). Já o porta-malas de 370 litros fica devendo.

Pulse Manual
Quadro de instrumentos convencional tem boa leitura e mostrador digital ao centro Fernando Pires/Quatro Rodas

A mecânica é a exclusividade deste Pulse, já que apenas esta versão combina o motor 1.3 flex a um câmbio manual de cinco marchas, enquanto as demais têm uma caixa CVT de sete marchas simuladas.

Compartilhe essa matéria via:
Continua após a publicidade

No motor são 98/107 cv (gasolina/etanol) de potência e 13,2/13,7 kgfm de torque. As impressões ao dirigir vão totalmente ao encontro dos números obtidos em nossos testes, feitos com gasolina. Ele foi de 0 a 100 km/h em 12,5 segundos, contra os 13,9 segundos da versão CVT.

Pulse Manual
Bancos são confortáveis e o tecido utilizado é de boa qualidade Fernando Pires/Quatro Rodas

O Pulse manual é um carro divertido para ser guiado na cidade. Como mandam os picos de potência e torque, o modelo se dá bem com giros altos e, assim, transmite leveza e agilidade nas acelerações, sem a morosidade do CVT.

O câmbio tem relações curtas, semelhantes às da Strada, além de engates parecidos, sem muita precisão. Mesmo assim, as marchas não parecem empilhadas como na picape.

Pulse 1.3 Manual
Espaço traseiro é bom, sem sobras Fernando Pires/Quatro Rodas

Acima dos 110 km/h uma sexta marcha reduziria os ruídos, mas prejudicaria o desempenho pela queda na rotação. Ou seja, não há necessidade. O que também nos faz recordar da Strada é a suspensão, com um sentimento de invencibilidade diante de buracos, valetas e outras imperfeições do solo.

Apesar dos ajustes firmes, a suspensão é confortável, unindo assim doses de bem-estar aos ocupantes e rigidez ao veículo.O perfil alto dos pneus 195/60 e a altura do carro em relação ao solo também ajudam a absorver os impactos.

Pulse 1.3 Manual
Porta-malas tem 370 litros FErnando Pires/Quatro Rodas

No consumo, há praticamente um empate técnico com a versão automática. Em nossos testes, o manual registrou as médias de 12,8 km/l na cidade e 17,6 km/l na estrada. No CVT foram, respectivamente, 13 km/l e 17,8 km/l.

Mesmo sendo o mais barato da linha, o Pulse manual certamente passará longe de ser o mais vendido, dadas as circunstâncias do segmento em que ele se encaixa, onde o câmbio automático é quase que obrigatório.

Pulse 1.3 Manual
Câmbio tem manuseio semelhante ao da Strada Fernando Pires/Quatro Rodas

Ainda assim, a configuração mais simples e barata mostra que, quem quiser ou precisar levá-la para casa, não ficará desamparado em espaço, visual e, principalmente, nos equipamentos e no prazer ao dirigir.

Veredicto

Ele tem acabamento mais simples, mas compensa na extensa lista de equipamentos e na ótima dirigibilidade

Teste Quatro Rodas – Fiat Pulse Drive 1.3 manual

Aceleração
0 a 100 km/h: 12,5 s
0 a 1.000 m: 18,5 – 118,1 km/h
Velocidade máxima: 174 km/h* (dado de fábrica)
Retomadas
40 a 80 km/h em 3ª: 7,9 s
60 a 100 km/h em 4ª: 12,8 s
80 a 120 km/h em 5ª: 23,4 s
Frenagens
60/80/120 km/h a 0: 14,2/25,7/50,5 m
Consumo
Urbano: 12,8 km/l
Rodoviário: 17,6 km/l
Ruído interno
Neutro/RPM máx.:43/68,5 dBA
80/120 km/h: 67,5/72,9 dBA
Aferição
Velocidade real a 100 km/h: 93 km/h
Rotação do motor a 100 km/h em 5a marcha: 1.850 rpm
Volante: 2,5 voltas

Seu Bolso
Preço básico: R$ 89.990
Garantia: 3 anos

Condições de teste: alt. 660 m; temp., 26 °C; umid. relat., 75%; press., 1.020,5 kPa

Pulse Manual 1.3
Motor 1.3 perdeu potência e torque, mas segue com bons números na versão manual Fernando Pires/Quatro Rodas

Ficha Técnica

Motor: flex, dianteiro, transversal, 4 cil., 8V, 1.332 cm³, 98/107 cv a 6.250 rpm, 13,2/13,7 kgfm a 4.250/4.000 rpm
Câmbio: manual, 5 marchas, tração dianteira
Direção: elétrica, 10,5 m (diâmetro de giro)
Suspensão: ind. McPherson (diant.), eixo de torção (tras.)
Freios: disco ventilado (diant.), tambor (tras.)
Pneus: 195/60 R16
Rodas: liga leve, 16’’
Peso: 1.187 kg
Dimensões: comprimento, 409,9 cm; largura, 177,4 cm; altura, 157,6 cm; entre-eixos, 253,2 cm; porta-malas, 370 l, tanque, 52 l

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo da QUATRO RODAS! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

App QUATRO RODAS para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês