Clique e assine por apenas 8,90/mês

Longa Duração: qual carro de nossa frota gasta mais em viagens?

Fiat Argo, Toyota Prius, Jeep Compass, Hyundai Creta e Renault Kwid. Toda a frota na mesma condição para responder: como a velocidade influencia o consumo

Por Péricles Malheiros - 4 jun 2018, 16h33
Frota Longa Duração
A nossa frota de Longa Duração pegou a estrada para um teste de consumo x velocidade Christian Castanho/Quatro Rodas

Chegou o fim de semana, hora de pegar a estrada. Para economizar, você faz o básico: pneus calibrados, vidros fechados (com ar-condicionado ligado) e tanque cheio (para evitar paradas desnecessárias).

Em vez de adotarmos os números de consumo obtidos em ambiente de pista, desta vez optamos por vias públicas e, na estrada, calculamos o apetite dos cinco carros de nossa atual frota de Longa Duração.

Argo 1.3, Compass 2.0 turbodiesel, Creta 2.0, Kwid 1.0 e o híbrido Prius em três velocidades de cruzeiro diferentes: 80, 100 e 120 km/h, sempre com ar-condicionado ligado.

A partir dos números obtidos, simulamos uma viagem de 500 km e calculamos os gastos com combustível.

Continua após a publicidade

A duração da rota simulada em cada velocidade do teste, claro, foi a mesma para todos os carros: 6h15min a 80 km/h, 5h a 100 km/h e 4h10min a 120 km/h.

Para tanto, tomamos por base o preço médio do litro da gasolina e do diesel S-10 (no caso do Jeep Compass) em São Paulo, segundo a ANP, a Agência Nacional do Petróleo, em meados de março: R$ 3,976 (gasolina) e R$ 3,488 (diesel).

Argo – A 120 km/h, o consumo é 30,2% maior do que a 80 km/h

Fiat Argo
Christian Castanho/Quatro Rodas

O Argo confirmou os elogios dos usuários a respeito do baixo consumo.

Seus registros se aproximam dos do híbrido Prius, superando até os do Kwid, com seu motor 1.0 três cilindros, mesmo rodando só a 80 km/h: 23,5 km/l ante 20,6 km/l.

Continua após a publicidade

Esses números de consumo são muito próximos aos do Compass, mas o SUV da Jeep gera menos custo, afinal o litro do diesel é mais barato que o da gasolina.

80 km/h 100 km/h 120 km/h
Custo 84,61 reais 100,39 reais 121,23 reais
Consumo total 21,28 litros 25,25 litros 30499 litros
Consumo médio 23,5 km/l 1,8 km/l 16,4 km/l
Rotação 2.500 rpm 2.900 rpm 3.400 rpm

Compass – A 120 km/h, o consumo é 34,4% maior do que a 80 km/h

Jeep Compass
Christian Castanho/Quatro Rodas

No teste prévio para aferição do consumo com ar-condicionado ligado, o câmbio do Compass foi até a sétima marcha na prova de 80 km/h, oitava na de 100 km/h e nona na de 120 km/h.

Aliás, boa parte do mérito do consumo contido do SUV deve ser atribuída justamente à caixa de nove marchas.

Pena que seu funcionamento seja acompanhado de trancos, quando em baixa velocidade

Continua após a publicidade
80 km/h 100 km/h 120 km/h
Custo 76,84 reais 92,29 reais 117,06 reais
Consumo total 22,03 litros 26,46 litros 33,56 litros
Consumo médio 22,7 km/l 18,9 km/l 14,9 km/l
Rotação 1750 rpm 1,900 rpm 1,800 rpm

Creta – A 120 km/h, o consumo é 32,6% maior do que a 80 km/h

Hyundai Creta
Christian Castanho/Quatro Rodas

A calibração do acelerador, sensível demais, exige atenção redobrada do piloto quando a intenção é rodar economicamente.

Qualquer pisada um pouco mais forte é interpretada pelo câmbio como necessidade de aplicação de força extra e a redução de uma marcha é ordenada.

Economia de combustível não é o forte do Creta, dono dos piores números de consumo deste teste

80 km/h 100 km/h 120 km/h
Custo 109,82 reais 135,52 reais 162,94 reais
Consumo total 27,62 litros 33,33 litros 40,98 litros
Consumo médio 18,1 km/l 15 km/l 12,2 km/l
Rotação 1.900 rpm 2.100 rpm 2.500 rpm

Kwid – A 120 km/h, o consumo é 40,3% maior do que a 80 km/h

Renault Kwid
Christian Castanho/Quatro Rodas

Tudo bem que o ambiente do subcompacto é a cidade, mas o Kwid chega a ser decepcionante na estrada.

Continua após a publicidade

Além de se mostrar mais gastão do que o Argo nos três testes realizados, o Renault praticamente empatou com o Creta no consumo a 120 km/h: respectivamente 12,3 km/l e 12,2 km/l.

Detalhe: o SUV da Hyundai é maior, mais pesado e é equipado com câmbio automático.

80 km/h 100 km/h 120 km/h
Custo 96,50 reais 116,26 reais 161,62 reais
Consumo total 24,27 litros 29,24 litros 40,65 litros
Consumo médio 20,6 km/h 17,1 km/l 12,3 km/l
Rotação 2.500 rpm 3.250 rpm 4.000 rpm

Prius – A 120 km/h, o consumo é 31,1% maior do que a 80 km/h

Toyota Prius
Christian Castanho/Quatro Rodas

Híbridos mostram seu maior poder de economia na cidade, onde o anda e para a baixas velocidade é feito, sempre que possível, utilizando o motor elétrico.

Mas até que o Prius surpreendeu positivamente em nosso teste, sendo o dono do menor custo de rodagem (R$ 113,59) na viagem a 120 km/h.

Continua após a publicidade

Sem conta-giros, não foi possível aferir a rotação do motor a gasolina do Prius.

80 km/h 100 km/h 120 km/h
Custo 78,29 reais 93,32 reais 113,59 reais
Consumo total 19,69 litros 23,47 litros 28,57 litros
Consumo médio 25,4 km/l 21,3 km/l 17,5 km/l
Rotação

 

Publicidade