Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Novo VW Virtus 2023 combinará peças do Nivus com motor do Up! TSI

Reestilização do sedã compacto estreia na Índia em março, mas chegará ao Brasil com diferenças importantes no visual e na mecânica

Por Henrique Rodriguez Atualizado em 21 fev 2022, 10h11 - Publicado em 21 fev 2022, 10h06
VW VIRTUS 2023
Faróis do Virtus 2023 brasileiro serão os mesmos do Nivus Renato Aspromonte/Overboost/Quatro Rodas

O futuro do Volkswagen Virtus parece promissor. Com o Jetta restrito à versão espotiva GLI, em vias de ser reestilizado, e o Voyage vivendo aquele que pode ser seu último ano de produção, o novo Virtus 2023 será o sedã mais importante da Volkswagen no Brasil. E, também, na Índia.

Desta vez o sedã compacto da VW não ficará restrito ao mercado latino-americano. Na verdade, a primeira reestilização do Volkswagen Virtus será apresentada primeiro na Índia, já em 8 de março.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

Isso pode pegar muita gente de surpresa, mas faz um certo sentido quando lembramos que o Skoda Slavia, irmão do Virtus desenvolvido exclusivamente para o mercado indiano, foi apresentado por lá há poucos meses. O Virtus tem muito em comum com ele e terá a missão de substituir o sedã Vento, o Polo Sedan da geração anterior (que não tivemos no Brasil).

Este parece ser o momento do Virtus e, não à toa, o sedã terá certa independência visual do Polo a partir de agora. Mas o novo Virtus brasileiro não será exatamente igual ao modelo indiano.

 

VW VIRTUS 2023
Traseira terá lanternas escurecidas como T-Cross e Nivus Renato Aspromonte/Overboost/Quatro Rodas

A palavra de ordem na filial brasileira é aproveitar peças que já existem e estão prontas. Faróis com linhas mais retas serão comuns ao sedã nos dois mercados, mas o modelo brasileiro adotará os mesmos faróis de led do Nivus, enquanto o sedã fabricado na Índia adotará uma peça com projetor de bloco elíptico e leds na parte inferior.

Na comparação com o Virtus atual, ainda muda o para-choque dianteiro com tomada de ar inferior maior, integrando uma estreita tomada de ar que existe no modelo atual. Além disso, há nichos verticais para os faróis de neblina de leds. A grade superior fica mais estreita e ganha uma barra superior cromada, que poderá ser iluminada na versão Highline, no Brasil.

VW VIRTUS 2023
Renato Aspromonte/Overboost/Quatro Rodas

O novo logotipo da VW esconderá o radar do piloto automático adaptativo (que, enfim, será disponibilizado para o sedã) junto com a frenagem autônoma de emergência.

Compartilhe essa matéria via:
Continua após a publicidade

A traseira terá um “toque” do Nivus e do T-Cross. Isso porque, além das lanternas ganharem fundo acinzentado, quase preto, elas serão interligadas por uma barra preta, mas com um friso cromado. O novo logotipo da Volkswagen será posicionado sobre essa régua preta, que fará com que a tampa do porta-malas seja uma nova peça.

VW VIRTUS 2023
Renato Aspromonte/Overboost/Quatro Rodas

O Virtus 2023, chamado internamente de VW271 LA PA, ainda terá para-choque traseiro com sua base muito parecida com a do Slavia, com uma barra horizontal mais grossa, com um friso cromado bem mais discreto que o atual e peças refletivas. Nas extremidades do para-choque, vincos bem marcados terão a missão de dar a sensação do Virtus ser mais largo do que a plataforma MQB A0 permite.

Quem quiser ter uma ideia de como será o painel do novo Virtus só precisa abrir a porta de um Nivus 2022. O SUV cupê já está equipado com novo volante, quadro de instrumentos digital (o Comfortline receberá a tela de 8 polegadas e o Highline continuará com a de 10,25″) e a central multimídia VW Play, agora com Android Auto sem fio. A diferença ficará por conta do acabamento da faixa central do painel.

Teaser do VW Virtus Indiano
Teaser do VW Virtus Indiano Reprodução/Volkswagen

Por fim, a Volkswagen estuda oferecer teto solar panorâmico como opcional para os Virtus 2023 mais caros.

Apenas motores turbo

A Volkswagen já tirou de linha o motor 1.6 16V MSI, por conta do Proconve L7. Com isso, acabou com a versão de entrada do Virtus. Isso, porém, abre espaço para uma nova opção mecânica.

O antigo motor 1.0 TSI de 105 cv e 16,8 kgfm, o 170 TSI que equipava o VW Up!, acaba de ser resgatado por uma nova versão de entrada do Nivus na Argentina e pode ganhar uma segunda vida também no Brasil. Ele equiparia o novo Virtus básico, que por sua vez teria apenas o conhecido câmbio manual de cinco marchas.

Volkswagen Virtus
Motor 1.0 TSI de 128/116 cv tem injeção direta de combustível, intercooler ar-água no coletor de admissão, duplo circuito de arrefecimento para bloco e cabeçote e velas de ignição de iridio Christian Castanho/Quatro Rodas

O motor 200 TSI, 1.0 TSI com 128 cv e 20,4 kgfm, por sua vez, continuaria sendo oferecido exclusivamente com o câmbio automático de seis marchas. O mesmo vale para o 250 TSI (1.4 TSI de 150 cv e 25,5 kgfm) do Virtus GTS, que teve sobrevida garantida apesar de por pouco não ter sido descontinuado devido às poucas vendas. Na falta dos Jetta 1.4 TSI, ele se torna uma opção importante.

Ainda assim, a versão topo de linha do Virtus indiano terá o motor 1.5 TSI, bem mais moderno. Além disso, seu câmbio será o DSG de sete marchas.

Enquanto isso, o novo Volkswagen Polo terá os dois motores mais potentes. Caberá ao Polo Track, confirmado para 2023, a missão de ocupar a lacuna das versões mais básicas. Ele terá tanto o motor 1.0 MPI de 84 cv quanto o 1.0 TSI de 105 cv.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

A edição 754 de QUATRO RODAS já está nas bancas!

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo da QUATRO RODAS! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

App QUATRO RODAS para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês