Clique e assine por apenas 8,90/mês

Range Rover mostra o Velar, SUV para enfrentar o Porsche Macan

Mais requintado (e maior) do que o Evoque, modelo se aproxima do Range Rover Sport em conteúdo e tecnologia

Por Vitor Matsubara - Atualizado em 2 mar 2017, 13h50 - Publicado em 1 mar 2017, 18h44

A Land Rover apresentou ao mundo o Range Rover Velar. O novo utilitário esportivo da marca mais luxuosa do grupo Jaguar Land Rover preencherá a lacuna existente entre o Evoque e o Range Rover Sport, batendo de frente com rivais como Porsche Macan, BMW X4 e Mercedes-Benz GLC Coupé. No Brasil, o modelo deverá chegar entre o final deste ano e o início de 2018 – a produção nacional, no entanto, está descartada.

Faróis têm tecnologia de iluminação a laser
Faróis têm tecnologia de iluminação a laser divulgação/Land Rover

Embora os traços lembrem os demais SUVs da gama Range Rover (e até a quinta geração do Land Rover Discovery), o Velar tem um estilo mais esportivo, realçado em detalhes como a silhueta mais esguia e a curvatura do teto mais baixa do que nos outros modelos.

Curvatura do teto é mais baixa do que nos demais SUVs da marca
Curvatura do teto é mais baixa do que nos outros SUVs da marca divulgação/Quatro Rodas

Os faróis (que lembram o estilo do Range Rover Vogue) trazem a tecnologia de laser, ampliando o alcance dos fachos para até 550 metros. Nas laterais, as maçanetas embutidas surgem ao destravar as portas, assim como no Jaguar F-Type. De acordo com a Land Rover, esse detalhe contribui para atingir o coeficiente aerodinâmico de 0,32. Atrás, as lanternas têm formato parecido com as do Evoque, mas invadem a área da tampa do porta-malas, dominada pela régua com o nome “Range Rover”.

Duas telas de 10 polegadas dominam o console central
Duas telas de 10 polegadas dominam o console central divulgação/Quatro Rodas

O interior tem um visual bastante limpo, facilitando a localização de todos os comandos. O sistema de entretenimento Touch Pro Duo é formado por duas telas integradas de 10 polegadas, substituindo a maioria dos botões e alavancas – até o controle do sistema de tração Terrain Response é incorporado nas telas, dependendo da versão. Há dois botões giratórios e multifuncionais agrupando os comandos de climatização, som, modos de condução e outras configurações. Já o quadro de instrumentos foi trocado por uma tela TFT de 12 polegadas.

Continua após a publicidade
Bancos e portas podem ser revestidos com um tipo de tecido especial
Bancos e portas podem ser revestidos com um tipo de tecido especial divulgação/Quatro Rodas
Um par de botões giratórios agrupa controles de climatização e modos de condução
Um par de botões giratórios agrupa controles de climatização e modos de condução divulgação/Quatro Rodas

O comprador poderá escolher entre oito opções de acabamento interior, além de um tipo de tecido desenvolvido em parceria com a Kvadrat (maior fabricante de tecidos da Europa), como alternativa mais ecológica ao couro. O sistema de som fornecido pela Meridian pode ter até 1.600 watts de potência e 23 alto-falantes.

Maçanetas são embutidas, como no Jaguar F-Type
Maçanetas são embutidas, como no Jaguar F-Type divulgação/Quatro Rodas

 

Lanternas lembram o Range Rover Vogue, mas são mais horizontais
Lanternas lembram o Range Rover Vogue, mas são mais horizontais divulgação/Quatro Rodas

 

SUV terá seis opções de motorização, incluindo a 3.0 V6 Supercharged
Ponteiras de escapamento dão um ar mais esportivo ao Velar divulgação/Quatro Rodas

O Velar será oferecido em seis motorizações. Entre as opções movidas a diesel, há a linha Ingenium de 180 cv ou 240 cv, sendo que um V6 de 300 cv também fará parte do cardápio. Do lado dos motores a gasolina, destaque para o Ingenium de 250 cv e o 3.0 V6 Supercharged de 380 cv que equipa o F-Type. Uma terceira opção de 300 cv também será lançada futuramente.

Publicidade