Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Range Rover sugere produzir carros de passeio no futuro

Executivo diz que marca pode explorar força da imagem para ampliar participação de mercado

Por Vitor Matsubara Atualizado em 23 fev 2017, 14h12 - Publicado em 23 fev 2017, 14h11

Famosa por produzir utilitários esportivos de luxo, a Range Rover pode se aventurar (com o perdão do trocadilho) no mundo dos automóveis de passeio. Foi o que sugeriu Gerry McGovern, diretor de design da Land Rover, durante o evento de lançamento do novo Discovery, nos Estados Unidos.

“Por que não? Se você analisar a forma como outras marcas entraram no universo dos SUVs, não vejo motivos para a Land Rover e a Range Rover não explorarem outros territórios”, afirmou.

“A Range Rover é uma marca tão conhecida quanto algumas grifes do mundo da moda. É uma empresa com um valor imensurável e que lança produtos igualmente desejáveis, como o Evoque. Assim será também com nosso próximo SUV, o Velar. Por isso é que acredito na existência de inúmeras oportunidades a serem exploradas”.

Mesmo cogitando a possibilidade de ampliar o leque de atuação da marca, McGovern frisou que também é importante não perder o foco no principal segmento da Range Rover. “O mercado de SUVs está se fragmentando e ampliando cada vez mais e estamos vendo o nascimento de vários nichos de produtos. O papel da área de design não é apenas esperar que os marqueteiros venham até nós. Somos nós que definimos as oportunidades de negócios”, concluiu o executivo.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade