Clique e assine por apenas 5,90/mês

Ram 1500 TRX: picape mais potente do mundo tem motor V8 de 712 cv

Picape tem motor V8 do Challenger Hellcat e chega aos 100 km/h em 4,5 segundos, mas preços superam os R$ 380.000 nos EUA

Por Henrique Rodriguez - Atualizado em 17 ago 2020, 16h50 - Publicado em 17 ago 2020, 14h59
Divulgação/Ram

A RAM TRX já tinha motor V8 em 2016, quando surgiu como conceito. Mas ele rendia 575 cv. Agora em sua versão de produção, a RAM 1500 TRX estreia com V8 6.2 com compressor mecânico de pujantes 712 cv – praticamente a mesma potência do primeiro Dodge Challenger Hellcat.

É a picape mais potente do mundo em produção e seguirá com o título pelo menos até a Ranger ganhar o V8 do Mustang.

Quer ter acesso a todos os conteúdos exclusivos de Quatro Rodas? Clique aqui e assine com 64% de desconto.

Mas a RAM 1500 TRX não se limita ao motor mais potente. Sua estrutura usa uma quantidade maior de aços de alta resistência, está 5 cm mais distante do solo e a bitola é 15 cm mais larga. Contudo, a largura aumentou em 20 cm no total por conta dos para-lamas mais encorpados para lidar com os pneus Goodyear Wrangler. 

Divulgação/Ram

A suspensão também recebeu tratamento especial. A traseira ganhou eixo rígido Dana 60 suportado por um sistema com cinco pontos de apoio (five-link), enquanto a dianteira tem conjunto independente com braços de alumínio. Os amortecedores adaptativos são da Bilstein, com 2,5 polegadas de largura, e prometem lidar com qualquer tipo de terreno – até mesmo rodar a 160 km/h no deserto.

Divulgação/Ram

Falando em deserto, há o “modo Baja”, que também ajusta a tração, o controle de estabilidade e os mapas do motor e da transmissão para beneficiar a picape na areia, além dos modos Normal, Wet/Snow, Off-Road.

Divulgação/Ram

O motor é basicamente o mesmo do Hellcat, mas os engenheiros da RAM precisaram se esforçar para que o V8 6.2 cumprisse os propósitos de desempenho e às obrigações de uma picape. Um novo cárter e o alternador mais alto permitem submersão a até 81 cm.

Continua após a publicidade
Divulgação/Ram

O coletor de admissão também é novo e fica na parte superior do motor para não ser prejudicado pelas vibrações e é alimentado tanto pela abertura do capô (que é de alumínio), como pela grade, onde o emblema da RAM é vazado para melhorar o fluxo de ar. Também há tomadas de ar ao lado dos faróis.

Divulgação/Ram

O câmbio é automático de oito marchas e ajuda nas medições de desempenho. A RAM 1500 TRX chega aos 100 km/h em impressionantes 4,5 s e alcança o quarto de milha em 12,9 segundos a 174 km/h. A velocidade máxima é de 190 km/h. É claro que o controle de largada ajuda a alcançar esses números.

Divulgação/Ram

O visual não é menos importante. A TRX tem para-choques de aço e os traseiros têm espaço para encaixar as duas enormes saídas de escape. As lanternas são de leds.

Divulgação/Ram

Há três níveis de acabamento interno. O padrão lembra a RAM Rebel, combinando tecido premium com vinil e detalhes vermelho. Mas há como escolher bancos de couro natural com camurça ventilados e costura cinza, ou costura vermelha e apliques de fibra de carbono no painel.

Divulgação/Ram

O que vale destacar é que o comando giratório para o câmbio, que ficava no painel, deu lugar a uma alavanca convencional no console. Onde antes ficava o comando giratório agora está o seletor de modos de condução. A central Uconnect de 12 polegadas e o carregador de smartphones sem fio reforçam a tecnologia.

Divulgação/Ram

Os preços da RAM 1500 TRX começam em 69.995 dólares (R$ 384.272 ao câmbio atual), mas a série de lançamento, limitada a 702 unidades, tem preço base de 90.315 (R$ 495.829). Isso, sem impostos.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da nova edição de quatro rodas? clique aqui e tenha o acesso digital.

Continua após a publicidade
Publicidade