Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

PSA Peugeot Citroën reduz produção e afasta 650 funcionários

Grupo diminuiu a fabricação de veículos em Porto Real (RJ) em 28%

Por Natali Chiconi Atualizado em 9 nov 2016, 13h04 - Publicado em 19 fev 2014, 18h36
fabricantes

O grupo PSA Peugeot Citroën reduziu a produção de veículos em Porto Real (RJ) em 28% e, por conta disso, afastou 650 funcionários de um dos três turnos que operam na fábrica. Os motivos dessa ação foram as quedas de exportações para a Argentina, a redução das vendas internas e os problemas cambiais.

Cerca de 180 carros foram cortados da programação diária da empresa, que, desde segunda-feira, opera com dois turnos, produzindo 450 automóveis por dia. O lay-off terá duração de dois a cinco meses. Se não houver reação do mercado até lá, uma nova turma será dispensada após a volta desse grupo.

“Estamos fazendo de tudo para segurar o pessoal e não há planos de demissão” , informou um porta-voz da companhia francesa. Os funcionários dispensados, de um total de 3 mil que atuam na área produtiva, passarão por cursos de qualificação.

Atualmente, a PSA Peugeot Citröen exporta 40% de sua produção, quase a totalidade, para a Argentina. Por causa da crise naquele país, e a decisão do governo local de reduzir as importações de veículos em 27% neste ano, a montadora calcula perdas de 20% a 30% nas vendas externas.

Continua após a publicidade

Publicidade