Presidente da FCA confirma: SUVs da Fiat terão motor turbo e câmbio CVT

Em entrevista a jornalista mineiro, Antonio Filosa confirmou uso da caixa CVT em dois novos utilitários que serão vendidos com insígnia da marca italiana

Os dois novos SUVs da Fiat feitos em Betim (MG) usarão plataforma do Argo

Os dois novos SUVs da Fiat feitos em Betim (MG) usarão plataforma do Argo (Du Oliveira/Quatro Rodas)

O presidente do grupo FCA (Fiat Chrysler Automobile) para a América Latina, Antonio Filosa, confirmou a informação já antecipada por QUATRO RODAS de que a fabricante lançará dois SUVs no mercado brasileiro em 2021 com o logotipo Fiat.

Também conforme antecipado por nossa reportagem, o executivo ratificou que ambos usarão os motores turbo da família Firefly. Os SUVs serão produzidos em Betim (MG), assim como as usinas turbinadas de 1 e 1,3 litro.

Motor 1.3 Firefly turbo

Motor 1.3 Firefly turbo (Divulgação/Fiat)

A grande novidade é que, segundo Filosa, os utilitários serão equipados com uma caixa automática “nova”, do tipo CVT.

As informações foram dadas durante uma entrevista em vídeo ao jornalista mineiro Marcelo Iglesias Ramos, dono do canal no YouTube “Garagem do Jabulas”.

“Também teremos uma transmissão automática nova, então [é] muita inovação tecnológica e [são] produtos novos que vão chegar juntos para completarmos nossa gama lá em 2021”, disse.

Perguntado pelo jornalista se o tal câmbio seria “com conversor de torque e CVT”, Filosa respondeu: “CVT”. Resta saber se a caixa virá importada ou se sua produção também será nacionalizada.

Conceito Fastback, apresentado no Salão de SP, será a inspiração visual de um dos SUVs

Conceito Fastback, apresentado no Salão de SP, será a inspiração visual de um dos SUVs (Felipe Bitu/Quatro Rodas)

Depois, Ramos questionou se os ensaios exibidos na inauguração do centro de design brasileiro da FCA antecipavam o novo SUV da marca. O presidente da FCA então confirmou que a Fiat lançará dois SUVs, e comentou sobre o visual de um deles.

“Na verdade são dois SUVs. Cada um em um segmento específico. O segundo SUV é muito pautado no [conceito] Fastback, do Salão de São Paulo [2018]. Muito parecido”, comentou. Isso também confirma as apurações de QUATRO RODAS.

Os dois SUVs usarão a plataforma MP1 do Argo. Um será um SUV compacto convencional e outro, um SUV cupê. Sobre este último, ainda não está claro se suas dimensões serão compactas (tal qual o futuro VW T-Sport) ou intermediárias.

Se as afirmações de Filosa forem literais, o SUV de sete lugares da Jeep não terá uma versão Fiat. Confira a entrevista logo abaixo:

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s