Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Mercedes-Benz Classe T é Renault Kangoo feito para famílias ricas

Versão requintada da Citan, Mercedes-Benz Classe T chega em momento que alemã acredita na força do segmento das vans familiares

Por Eduardo Passos 26 abr 2022, 18h28

Parece cada vez mais rara a venda de vans para famílias e consumidores particulares, mas a Mercedes-Benz parece acreditar nesse segmento. A alemã apresentou nesta terça-feira (26) a nova Classe T, sua van de luxo baseada na Mercedes Citan (sua versão da Renault Kangoo), com nova geração lançada em 2021.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

A Mercedes-Benz Classe T chegará, inicialmente, aos showrooms do Reino Unido, onde será vendida em versões a gasolina ou diesel. Além disso, haverá uma variante puramente elétrica, a Mercedes-Benz EQT — nova adição à família EQ — que chegará em breve.

Oportunidade lucrativa

Ainda que a Citan já tenha versão para passageiros particulares, a ideia da Classe T é elevar o nível de conforto e luxo da van, tornando-a atrativa para pessoas com poder aquisitivo e aptidão para aventuras ao ar livre, passeios mais complexos ou necessidades especiais, como transporte de animais de estimação de grande porte.

Die neue Mercedes-Benz T-Klasse – Exterieur, limonitgelb metallic The new Mercedes-Benz T-Class – Exterior, limonite yellow metallic
Bancos traseiros podem ser rebatidos, criando piso plano para cargas Divulgação/Mercedes-Benz

Segundo a marca, o segmento das vans particulares está, na verdade, em “crescimento significativo”, justificando o novo topo de linha da Mercedes neste mercado. À primeira vista, entretanto, parece que a alemã está guardando o melhor para a van elétrica, já que a Classe T muda bem pouco em relação à Citan Tourer.

Die neue Mercedes-Benz T-Klasse – Interieur, rubellitrot metallic The new Mercedes-Benz T-Class – Interior, rubellite red metallic
Painel está levemente incrementado em relação à Citan Divulgação/Mercedes-Benz
Continua após a publicidade

Além de pequenas mudanças no para-choque dianteiro, retrovisores e grade frontal, o lançamento ganhou mais itens de série, como a central multimídia de 7’’ que traz a inteligência artificial da marca. Também há recursos de automação veicular de nível 2 e duas opções de couro para os assentos. 

Die neue Mercedes-Benz T-Klasse – Exterieur, limonitgelb metallic The new Mercedes-Benz T-Class – Exterior, limonite yellow metallic
Alemã procurou manter altura baixa para carregar o porta-malas Divulgação/Mercedes-Benz

A sensação de luxo, entretanto, pode ser quebrada quando se nota o compartilhamento de partes com a Renault Kangoo, por exemplo. A van francesa é gêmea da Citan e da nova Classe T, com boa parte do painel idêntica, além de numerosos aspectos mecânicos.

“Filé” guardado para versão elétrica

Com 4,50 m de comprimento, a Mercedes-Benz Classe T leva apenas cinco passageiros, mas uma versão com entre-eixos alongado e uma terceira fileira está a caminho. Enquanto isso, quem tiver no mínimo 30.000 euros para adquirir o modelo básico terá recursos como ambas as portas traseiras corrediças e baixa altura de carregamento (56,1 cm) traseiro.

Die neue Mercedes-Benz T-Klasse – Exterieur, limonitgelb metallic The new Mercedes-Benz T-Class – Exterior, limonite yellow metallic
Divulgação/Mercedes-Benz

As duas versões a gasolina utilizam motor 1.3 turbo, com quatro cilindros em linha. A Classe T 160 tem 102 cv e 20,4 kgfm, com transmissão manual ou automática de dupla embreagem e sete marchas. O câmbio DCT é a única opção da T 180, que chega aos 130 cv e 24,5 kgfm. Mais potente da família, essa versão vai de 0 a 100 km/h em 11,6 s e faz, na estrada, 15,1 km/l (ciclo WLTP).

Die neue Mercedes-Benz T-Klasse – Exterieur, limonitgelb metallic The new Mercedes-Benz T-Class – Exterior, limonite yellow metallic
Versão 180d tem máxima de 177 km/h Divulgação/Mercedes-Benz

As versões a diesel utilizam apenas câmbio automático de seis marchas. Tanto a Mercedes-Benz T 160d (95 cv/26,5 kgfm) quanto a T 180d (116 cv/27,5 kgfm) vêm com motor 1.5, também com quatro cilindros.

Die neue Mercedes-Benz T-Klasse – Interieur, limonitgelb metallic The new Mercedes-Benz T-Class – Interior, limonite yellow metallic
Divulgação/Mercedes-Benz

Ainda não há detalhes sobre a EQT, que, seguindo a lógica de modelos eletrificados da Mercedes, deverá “evoluir” esteticamente da mesma forma que o EQA e EQB fizeram em relação aos GLA e GLB.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo da QUATRO RODAS! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

App QUATRO RODAS para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês