Clique e assine por apenas 5,90/mês

Hyundai Tucson é reestilizado na China

Mudanças polêmicas se concentram na dianteira

Por Vitor Matsubara - Atualizado em 9 nov 2016, 12h19 - Publicado em 14 mar 2013, 13h01
fabricantes

O veterano Tucson ganhou sua primeira reestilização na China. As (polêmicas) mudanças foram realizadas pela Beijing Hyundai Group, joint-venture formada entre a Beijing Automotive Group e a Hyundai.

140313_tucson_02.jpg

O polêmico facelift inclui uma nova grade frontal bastante parecida com a do antigo i30 e um para-choque frontal redesenhado. A traseira tem lanternas com nova disposição de luzes e uma nova moldura de placa, combinando com as linhas do para-choque traseiro. Já o interior tem poucas novidades e o tradicional revestimento bege tão adorado pelos chineses.

140313_tucson_03.jpg

No mercado chinês o Tucson será vendido com o motor 2.0 de 143 cv, aqui adaptado para a tecnologia flex. Os preços do modelo variam entre 165.800 yuans e 203.800 yuans, ou aproximadamente entre 52.600 reais e 64.700 reais.

Por aqui, o Tucson atual é fabricado pelo Grupo CAOA na fábrica de Anápolis (GO). Não há previsão se as mudanças também serão adotadas no modelo vendido no Brasil.

Continua após a publicidade
Publicidade