Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Ford Ranger tem recall por risco de quebra do eixo cardã

Participam modelos de 2015 a 2017 com câmbio manual: problema está nos cabos seletores de marchas

Por Guilherme Fontana 29 Maio 2017, 13h39

 

Santantônio estilizado confere esportividade ao perfil

A Ford anunciou mais uma campanha de recall envolvendo a Ranger. Desta vez, participam unidades de modelos de 2015 a 2017, todas equipadas com transmissão manual, com risco de quebra do eixo cardã.

De acordo com a fabricante, os cabos seletores de marcha podem se desprender das presilhas de fixação, causando a quebra do eixo cardã. Com isso, o veículo pode sofrer perda de força motriz no eixo traseiro e, em casos extremos, ter danos nas áreas próximas ao eixo – como no assoalho da cabine. Em todos os casos, há riscos de acidentes com danos físicos e materiais aos ocupantes da picape e a terceiros.

 

Para solucionar o problema, a marca fará uma inspeção nos veículos e, se necessário, a troca dos cabos seletores, das presilhas de fixação e do eixo cardã. O reparo dura aproximadamente duas horas e é gratuito, conforme previsto em lei. Os proprietários devem procurar uma concessionária Ford de sua preferência para realizarem o agendamento da verificação. Para mais informações, a Ford disponibiliza seu site oficial e o telefone 0800 703 3673.

Veja as datas de produção e os chassis dos exemplares envolvidos no recall:

Modelos Chassis (8 últimos dígitos) Datas de produção
2015 De FJ325611 até FJ360860 De 13 de maio de 2015 até 6 de julho de 2015
2016 De GJ360262 até GJ401918 De 1º de julho de 2015 até 19 de janeiro de 2016
2017 De HJ402571 até HJ425122 De 2 de fevereiro de 2016 até 29 de abril de 2016
  • Continua após a publicidade
    Publicidade