Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Conceito aventureiro da Citroën antecipa novo Aircross

Inspirado na nova geração do C3, C-Aircross será apresentado no Salão de Genebra

Por Vitor Matsubara Atualizado em 13 fev 2017, 15h43 - Publicado em 7 fev 2017, 17h03

O Salão de Genebra será o palco da apresentação do modelo que pode aposentar o veterano Aircross. É lá que a Citroën revelará ao mundo o C-Aircross, conceito projetado para substituir o C3 Picasso – e possivelmente seus derivados, como o “nosso” aventureiro urbano.

Design tem elementos futuristas, mas deve ser replicado na versão definitiva
Design tem elementos futuristas, mas deve ser replicado na versão definitiva divulgação/Citroën

Nitidamente inspirado no novo C3 vendido na Europa há alguns meses, o protótipo tem algumas soluções típicas de um veículo em fase conceitual, como câmeras no lugar dos espelhos retrovisores, rodas enormes (de 18 polegadas, neste caso) e um interior bastante futurista para os padrões atuais. A cabine, aliás, ostenta um visual minimalista, com uma grande tela de 12 polegadas sensível ao toque no lugar de botões físicos e alavancas. Outra tela substitui o quadro de instrumentos convencional.

Telas por todos os lados no interior do C-Aircross
Telas por todos os lados no interior do C-Aircross divulgação/Citroën

Alguns elementos do C-Aircross, entretanto, serão aproveitados na versão de produção, como os Airbumps, espécie de colchões de ar instalados nas laterais para proteger a carroceria em colisões leves. Esse é apenas um ponto em comum com o C4 Cactus, modelo que já é vendido na Europa e deve ser importado para o Brasil ainda em 2017.

Lançamento comercial do novo modelo deve ocorrer em 2018
Lançamento comercial do novo modelo deve ocorrer em 2018 divulgação/Citroën

Um dos destaques do conceito é o sistema Grip Control, empregado em outros modelos do grupo PSA, que oferece ajustes para diversos tipos de terreno, mas sem a aptidão para incursões off-road de uma tração 4×4. A marca francesa ainda não revelou detalhes das possíveis motorizações, mas é provável que as opções adotadas no C3 sejam replicadas na versão de produção em série – que deve ser lançada em 2018.

Continua após a publicidade

Publicidade