Clique e assine por apenas 8,90/mês

Novo Citroën C3 terá versão GTI

Versão esportiva baseada nos bólidos do WRC teria mais de 200 cv

Por Henrique Rodriguez - Atualizado em 1 fev 2017, 18h39 - Publicado em 1 fev 2017, 18h36

A participação do Citroën C3 na edição deste ano do Campeonato Mundial de Ralis (WRC) pode trazer bons frutos. A novidade é que a fabricante francesa estaria cogitando uma versão esportiva baseada no modelo de competição.

Só não comece a imaginar o arredondado C3 vendido no Brasil com toda a indumentária digna de uma versão esportiva. Chamada de C3 GTI, a versão seria baseada na terceira geração do C3, agora com um perfil de hatch mais baixo e dinâmico que desfez por completo a imagem de monovolume. A ideia seria concorrer com o Ford Fiesta ST.

Durante a abertura do WRC, o CEO do Grupo PSA, Carlos Tavares, disse em entrevista à revista britânica AutoExpress que a Citroën estuda a ideia de usar nos carros de rua a experiência obtida por seus engenheiros envolvidos com o WRC. “Existem alguns planos para atualizar nossos motores e aumentar a potência. Então, sim – por que não usar eles na Citroen?”, disse o executivo.

Citroen C3 wrc
Terceira geração do C3 está bem longe do perfil de monovolume Divulgação

O chefe de planejamento de produtos da Citroën, Xavier Peugeot (é sério!), confirma a informação, mas insiste que qualquer C3 esportivo teria manter conforto, refinamento e praticidade dos Citroen – e é aí onde mora o desafio. “O Citroen CX GTi Turbo era um carro muito rápido e tinha o conforto da suspensão hidráulica. É relevante para a Citroen Racing ter carros de rua? Definitivamente, sim”, completou.

Continua após a publicidade

Hoje o C3 é visto como ponto de partida para a reconstrução da imagem da Citroën como marca inovadora ao longo dos próximos anos. Uma nova versão GTI surgiria em um momento que Citroen Racing, Peugeot Sport e DS Performance estão trabalhando juntas sob um mesmo teto. “Essa divisão é muito ágil. Eles podem fazer este tipo de carro em curto período de tempo”, disse Carlos Tavares.

A imprensa europeia especula uma configuração do motor 1.6 THP com mais que os 200 cv que rende hoje em sua configuração mais potente.

Além de se distanciar do refinado DS3 (com 163 cv, e que deve ganhar uma nova geração no futuro próximo), o C3 GTI entraria no segmento dos Fiesta ST e Renaultsport Clio RS, compactos que chegam aos 100 km/h em menos de 7 segundos e alcançam perto dos 225 km/h de velocidade máxima.

Publicidade