Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Erros se repetem na revisão de 50.000 km do Chevrolet Onix Plus

Faz tempo que o Chevrolet Onix Plus não passa por uma revisão boa e a dos 50.000 km não acabou com a má impressão

Por Fábio Black 26 Maio 2021, 23h08
Onix Plus
Tudo estava bem na revisão até a checagem do que foi feito Eduardo Campilongo/Quatro Rodas

A única revisão do Chevrolet Onix Plus feita sem problemas ou considerações foi a dos 10.000 km, na Vigorito de São Paulo. Desde então, sempre houve uma peça não trocada, rodízio feito errado ou pedido de verificação não atendido. A revisão dos 50.000 km poderia ser a redenção do sedã, portanto.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

Agendamos o serviço na concessionária Carrera Villa-Lobos, em São Paulo. Fomos atendidos sem atrasos e o orçamento veio com o mesmo valor do site da Chevrolet: R$ 516. Ou seja, desta vez não tentaram empurrar complementos que não estavam prescritos no manual.

  • Pedimos alinhamento, balanceamento e cambagem (R$ 120), e a troca do filtro antipólen do ar-condicionado (assustadores R$ 170). Até então, o filtro mais caro havia custado R$ 113. Também relatamos sobre barulhos na dianteira e os erros no funcionamento do sistema que monitora os pontos cegos.

    Na entrega do carro, o técnico disse que foi feita a atualização do monitor de pontos cegos e que o reaperto da suspensão (mais um) teria acabado com o barulho vindo da parte dianteira do carro.

    Onix Plus
    Cobraram 4 litros de lubrificante, mas colocaram menos de 3,5 litros Eduardo Campilongo/Quatro Rodas

    A concessionária ainda entregou todas as peças trocadas. Filtros de óleo do motor, de combustível, e de cabine eram exatamente os mesmos do carro (com as nossas marcações de costume). Mesmo assim, todas as substituições foram inspecionadas pela Fukuda Motorcenter, que constatou, porém, que o rodízio dos pneus não foi feito corretamente.

    “O manual prevê o cruzamento das rodas que vão para a frente e não é a primeira vez que os técnicos da Chevrolet apenas passam para a frente os pneus de trás”, diz o técnico Fabio Fukuda.

    Outro apontamento, porém, foi inédito: a troca do óleo foi feita, mas faltaram cerca de 300 ml para completar o nível da vareta. A quantidade de óleo prevista no manual é de 3,75 litros. Detalhe: foram cobrados 4 litros de lubrificante.

    Chevrolet Onix Plus – 50.086 km

    Ficha técnica:
    Versão: Premier 1.0 12V Turbo
    Motor: 3 cilindros, dianteiro, transversal, 999 cm3, 12V, turbo, 116/116 cv a 5.500 rpm, 16,8/16,3 mkgf
    a 2.000 rpm
    Câmbio: Automático, 6 marchas, tração dianteira
    Seguro: R$ 1.112 (Perfil Quatro Rodas)
    Revisões: Até 60.000 km – R$ 3.248
    Gasto no mês: Combustível: R$ 1.424
    Revisão: R$ 516
    Alinhamento: R$ 120
    Filtro de a/c: R$ 170
    Consumo: No mês: 16,6 km/l com 17,1% de rodagem na cidade
    Desde dez/19: 13,5 km/l com 28,6% de rodagem na cidade
    Combustível: Flex (gasolina)

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

    Continua após a publicidade
    Publicidade