Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Causas naturais

Por Redação 26 dez 2014, 15h18

Por Péricles Malheiros

18 502 km

Em novembro, o Up! foi deixado na concessionária Marte para que fosse dada uma solução para as vibrações exageradas e ruidosas nas arrancadas – as quais já sabíamos terem origem no coxim inferior, com funcionamento irregular. Após um único dia de serviço, o carro ficou pronto. “É difícil acreditar, mas o problema era causado por uma pedra que estava calçando a parte metálica do coxim, impedindo que a peça se movesse adequadamente”, explicou o consultor ao nos entregar o Up! – e a tal pedra.

Reparado, o carro, de fato, perdeu a barulheira nas saídas. Mas foi por pouco tempo. “Tudo parecia bem em uso normal. Então, em uma subida, fiz uma arrancada mais forte. A partir daí, o ruído voltou, igualzinho”, diz o editor Péricles Malheiros. No dia seguinte, novamente na Marte, a surpresa: outra pedra no mesmo coxim.

Com o diário de bordo em mãos, descobrimos que o único a sair do asfalto nos últimos tempos com o Up! havia sido o revisor de texto Renato Bacci. “De fato, a estradinha por onde passei, em São Pedro (SP), tem pedras bem parecidas com as que travaram o coxim, mas posso garantir que elas foram parar lá durante uso normal”. Ao que tudo indica, as pedras conseguem entrar na travessa estrutural no espaço aberto que existe justamente para que o coxim se movimente, absorvendo as vibrações naturais do conjunto de motor e câmbio.

CONSUMO
No mês: 10,5 km/l com 54,7% de rodagem na cidade
Desde jun/14: 9,8 km/l com 45% de rodagem na cidade
Combustível: etanol

GASTOS NO MÊS
Combustível: R$ 482

Continua após a publicidade

Publicidade