Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Exclusivo: VW Fox perde a central multimídia por falta de semicondutores

Sem estoque para todos os modelos, Volkswagen compensará ausência de multimídia no Fox com descontos

Por Eduardo Passos, Guilherme Fontana, Waldez Carmo Amorim
Atualizado em 9 ago 2021, 12h01 - Publicado em 16 jul 2021, 18h49
VW Fox 2022
Volkswagen Fox Connect ficou, ironicamente, desconectado (Arquivo/Quatro Rodas)

Apesar do jogo de cintura para contornar a crise de matérias-primas na indústria automotiva, a Volkswagen se viu obrigada a retirar a central multimídia Composition Touch do Fox, um equipamento de série do hatch há anos. A medida já está em vigor e afeta veículos produzidos a partir desse mês.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

A informação foi obtida por QUATRO RODAS através de lojistas que relataram dificuldades na versão de entrada, ironicamente chamada de Connect, junto à fabricante. Contatada, a VW confirmou a retirada do equipamento também na versão de topo Xtreme, sem prazo definido para normalização.

Desse modo, todas as versões do VW Fox já estão saindo da fábrica sem a central Composition Touch, que tem tela sensível ao toque de 6,5’’ e suporte a espelhamento de tela, Android Auto e Apple CarPlay.

vw fox 2022
Mesmo topo-de-linha, Fox Xtreme não escapou do corte de equipamentos (Divulgação/Volkswagen)

Como até mesmo modelos bem mais caros, como o Nivus Comfortline, utilizam a central, supõe-se um direcionamento do estoque escasso a modelos com maior saída e valor agregado.

Para compensar o desfalque, a Volkswagen garantiu que tanto o Fox Connect (R$ 63.250) quanto o Fox Xtreme (R$ 68.990) serão comercializados com preço reduzido. A marca, entretanto, não informou o desconto aplicado. “Como alternativa, os clientes podem adquirir uma central multimídia na rede de concessionárias no momento da compra, como acessório”, acrescentou.

A Volkswagen julgou como “inevitáveis” as consequências práticas da falta de semicondutores na indústria automotiva. A situação se agravou desde o início do ano, quando países como EUA iniciaram retomada do setor, com demanda reprimida.

Em um alinhamento gigantesco de problemas, as fabricantes de chips e componentes eletrônicos majoritariamente localizadas na Ásia viram a capacidade produtiva ser reduzida pelos rígidos lockdowns da região.

Continua após a publicidade
No Polo 1.6 manual, a central Composition Touch vem de série
Central Composition Touch do Polo 1.6 manual é a mesma do Fox, onde é item de série. Empresa não informou se volante multifuncional será alterado também (Divulgação/Quatro Rodas)

Ao mesmo tempo, houve aumento na demanda uma vez que, em isolamento, pessoas do mundo inteiro investiram em computadores, TVs e outros eletrônicos. Piorando a situação, polos produtivos no Texas e no Japão foram duramente atingidos por nevasca e um incêndio, respectivamente, levando a Anfavea a estimar apenas para o ano que vem uma eventual normalização. 

Segundo estudo do Boston Consulting Group, cerca de 120 mil veículos deixaram de ser produzidos no primeiro semestre no Brasil por conta da escassez. 

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Edição de julho
A edição 747 de QUATRO RODAS já está nas bancas! (Quatro Rodas/Quatro Rodas)
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.