Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Russo é acusado de roubar 50 km de uma estrada

Autoridade do sistema penitenciário retirou e vendeu mais de 7.000 blocos de concreto, e agora pode pegar 10 anos de prisão

Por Redação Atualizado em 9 nov 2016, 14h49 - Publicado em 20 jan 2016, 10h44
Estrada na Rússia

Tem coisas que definitivamente só acontecem na Rússia. Por lá, o agente prisional Alexander Protopopov está sendo acusado de roubar inacreditáveis 50 quilômetros de uma estrada. Segundo as investigações, ele teve a ajuda (ou aliciou) vários colegas de profissão para retirar e vender mais de 7.000 blocos de concreto de um trecho de uma rodovia na região de Komi, no norte do país, uma área repleta de florestas e com poucos moradores. 

O “trabalho” durou mais de um ano, a partir de 2014, e só foi percebido no final 2015. Calcula-se que a quadrilha de Protopopov – uma autoridade com cargo elevado e até condecorações – tenha faturado mais de seis milhões de rublos, o equivalente a R$ 305.000. A descoberta do roubo, porém, pode lhe render 10 anos de cadeia.

[NY Times, via Superinteressante]

Continua após a publicidade

Publicidade