Oito itens que o Hyundai HB20 tem e o Chevrolet Onix não, e vice-versa

Compactos inovam com equipamentos inéditos no segmento

Novos Hyundai HB20 e Chevrolet Onix

Novos Hyundai HB20 e Chevrolet Onix (Divulgação/Arte/Quatro Rodas)

O novo Chevrolet Onix deixou jornalistas impressionados com a quantidade de recursos embarcados em um carro que atua num segmento tido como “popular”. Afinal, estamos falando do automóvel mais vendido no Brasil.

Eis que chega o novo Hyundai HB20, vice-líder em emplacamentos, e mostra que não ficará para trás no quesito tecnologia.

Ou seja: as duas maiores referências no mercado estão liderando uma evolução significativa no segmento de entrada da indústria automotivo nacional.

QUATRO RODAS já rodou com o Onix Plus Premier, versão de topo do sedã derivado do Onix, e conheceu de perto o HB20 Diamond Plus, versão mais cara na gama de HB20, HB20S e HB20X.

E aponta logo abaixo oito equipamentos que um rival tem e o outro não, e vice-versa. Lembrando que estamos falando apenas das configurações mais completas de ambos os modelos. Confira:

O que só o HB20 tem

 (Divulgação/Hyundai)

1) Frenagem autônoma de emergência: um sensor localizado no para-brisa detecta se o veículo à frente está trafegando mais lento ou parado. Primeiro, emite um alerta visual e sonoro sobre o perigo de colisão e, caso o motorista não responda, executa automaticamente a frenagem emergencial.

2) Alerta de mudança de faixa: por meio de um sensor de leitura da faixa de rolamento, avisa ao condutor que o carro está extrapolando os limites.

3) Start-stop: desliga e religa automaticamente o motor em paradas breves para economizar combustível.

Pic By Fernando Pires / http://www.flpires.com.br

Pic By Fernando Pires / http://www.flpires.com.br (Fernando Pires/Quatro Rodas)

4) Elementos suaves ao toque: o acabamento do HB20 é superior no geral, com plástico mais agradável e maior quantidade de faixas suaves ao toque no painel e no console central.

5) Apoio de braço central deslizante: enquanto o item no Onix é fixo (permitindo apenas a abertura do porta-objetos), no HB20 é possível regular sua profundidade, o que ergonomicamente é melhor.

6) Bancos dianteiros com encosto de cabeça independente: enquanto o Chevrolet traz bancos inteiriços na fileira da frente, os do Hyundai têm encosto de cabeça independente. De novo, a ergonomia agradece.

Pic By Fernando Pires / http://www.flpires.com.br

Pic By Fernando Pires / http://www.flpires.com.br (Fernando Pires/Quatro Rodas)

7) Retrovisores externos com rebatimento elétrico: enquanto os espelhos exteriores do Onix têm ajuste elétrico, os do HB20 também são eletricamente rebatíveis.

8) Injeção direta de combustível: a GM surpreendeu ao anunciar que o motor 1.0 três-cilindros turbo flex Ecotec do novo Onix não possui injeção direta de combustível. O TGDI do HB20 sim, o que garante dados melhores de potência e torque. Em contrapartida, a leveza da carroceria do rival os deixa equiparados em termos de desempenho na prática.

O que só o Onix tem

1) WiFi a bordo: através de um chip da operadora Claro soldado no console, permite utilizar serviços de internet, pelo próprio celular ou com o aparelho projetado na central multimídia, gastando o pacote do veículo e não do telefone. Desde que, é claro, o cliente pague uma mensalidade por isso.

2) Seis airbags: enquanto o novo HB20 chega ao mercado com quatro airbags (frontais e laterais nos bancos dianteiros), o Onix 2020 traz também bolsas laterais de cortina.

3) Alerta de ponto cego: por meio de luzes na base dos retrovisores externos, avisa a até aproximadamente 140 km/h que há um veículo trafegando, seja do lado esquerdo ou direito, possivelmente fora do campo de visão do motorista.

4) Lanternas traseiras com led: além de conferirem um efeito de assinatura melhor, são mais seguras, pois possuem um tempo de acendimento mais rápido em relação às luzes por filamento.

5) Sistema de concierge OnStar: é pago à parte, R$ 89 por mês, mas traz a comodidade de tirar dúvidas, solicitar assistência e até pedir socorro de maneira rápida apertando um botão na moldura do retrovisor interno.

6) Duas entradas USB na fileira traseira: comodidade para quem senta na fileira traseira que o Onix possui e o HB20, ainda não.

7) Sensores de estacionamento dianteiros: o Hyundai conta com sensores traseiros e câmera de ré, mas só o Chevrolet apita também para avisar quando o balanço dianteiro está próximo demais de um obstáculo durante manobras.

8) Assistente de estacionamento: detecta sozinho uma vaga paralela e estaciona sem interferência do motorista no volante e no acelerador.

O que ambos têm em comum

-Controle de estabilidade e tração
-Assistente de partida em rampas
-Partida do motor por botão
-Chave com sensor presencial
-Central multimídia com tela flutuante e projeção de celulares via Apple CarPlay e Android Auto
-Quadro de instrumentos digital monocromático
-Banco traseiro bipartido e com ganchos para cadeirinhas infantis
-Interior com acabamento bicolor
-Ar-condicionado automático com tela digital
-Motor 1.0 três-cilindros turbo
-Câmbio automático de seis marchas
-Controle de cruzeiro
-Faróis com projetor, luz diurna em led e acendimento automático

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s