Clique e assine com até 75% de desconto

Oficial: novo Ford GT tem 656 cv, 76 mkgf e atinge 347 km/h

Segundo a marca, ele já bateu o tempo de McLaren 675LT e Ferrari 458 Speciale na pista de Calabogie Motorsports Park, no Canadá

Por Diego Dias 26 jan 2017, 17h28
Ford GT na posição 3x4 de frente
Ford GT tem relação peso potência de 2,17 kg/cv Divulgação/Ford

Apresentado ao mundo em 2015, a terceira geração do Ford GT causou furor por conta de seu novo visual futurista e a aposentadoria do motor V8, substituído por um V6 Ecoboost. Agora, a marca do oval azul finalmente revela mais detalhes de suas especificações técnicas e dados de performance, como a velocidade máxima de 347 km/h.

Painel Ford GT
Painel de instrumentos digital traz boa disposição de informações Divulgação/Ford

Sob o capô, o Ford GT traz um V6 3,5 litros biturbo de 656 cv de potência e 76 mkgf de torque, sendo que 90% da força já está disponível desde 3.500 rpm. A transmissão é automatizada de dupla embreagem e sete marchas. Com o peso a seco de 1.360 kg, a sua relação peso-potência fica apenas em 2,17 kg/cv.

Sua velocidade máxima pode ser comparada a modelos como o novo Lamborghini Aventador S (350 km/h), porém, a Ford não revelou sua aceleração de 0 a 100 km/h — que provavelmente deve ficar abaixo dos 3 segundos, mesmo tendo tração traseira e não integral.

Cabine do Ford GT
Cabine traz visual minimalista Divulgação/Ford
Ford GT visto de cima
Carroceria é moldada em túnel de vento Divulgação/Ford

O Ford GT é construído em fibra de carbono e tem carroceria moldada em túnel de vento, além de ter sistemas de dinâmica ativa, como na suspensão e no aerofólio automaticamente ajustável. Os vidros do para-brisa, os laterais e da tampa do motor têm tecnologia Gorila Glass (a mesma aplicada na tela dos smartphones).

Ford GT na posição 3x4 de traseira
Ford GT Divulgação/Ford

Durante o desenvolvimento do modelo, a Ford promoveu testes com o novo GT no na pista de Calabogie Motorsports Park, no Canadá, e o colocou lado a lado com o McLaren 675LT (675 cv) e a Ferrari 458 Speciale (605 cv). Todos testados pelo mesmo piloto, além de os modelos terem suspensões ajustadas e receberem fluídos e pneus novos. Segundo a fabricante, o 675LT fez o tempo de 2min10s, a 458 Speciale 2min12s e o Ford GT 2min09s.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade