Nova geração do Volkswagen Tiguan dá salto tecnológico

SUV tem características mais esportivas e valoriza os itens de segurança

fabricantes fabricantes

fabricantes (/)

Nasceu a nova geração do Volkswagen Tiguan. O utilitário esportivo totalmente reformulado foi mostrado nesta segunda-feira (14), às vésperas de sua apresentação pública no Salão de Frankfurt. Além das mudanças de design, o modelo está bem mais tecnológico, a começar pela plataforma modular MQB – é o primeiro SUV da companhia a ser desenvolvido com esta versátil arquitetura.

Esse é um dos fatores determinantes na redução de peso do novo Tiguan na comparação com sua geração anterior – ele emagreceu 50 kg. E isso ocorreu mesmo com a mudança das dimensões do modelo, que está mais longo (4,48 metros, o que representa 6 centímetros a mais), mais largo (1,84m, ou seja, aumento de 6cm) e mais baixo em relação ao solo (1,63m, uma redução de 3,3cm). Essas mudanças favorecem uma condução mais esportiva, assim como a redução do coeficiente de arrasto para 0,31, depois de muitos testes em túneis de vento.

volkswagen-tiguan-2.jpeg volkswagen-tiguan-2.jpeg

volkswagen-tiguan-2.jpeg (/)

O visual também foi bastante mexido, a começar pela dianteira. O para-choque agora tem entradas de ar bem mais pronunciadas, com luzes de neblina reestilizadas – sai o formato redondo, entra o de trapézio retângulo invertido. Os faróis também têm menos curvas, com as luzes diurnas de LED mudando de posição. Já a grade frontal está um pouco mais grossa. Quando se olha de perfil, a linha lateral está mais alta, aumentando a sensação de robustez. Já as lanternas passam a ter formato de um discreto “L”, ficando claro também o novo formato da tampa do porta-malas.

Muitas mudanças também foram feitas no interior do Tiguan. O painel central, por exemplo, tem visual mais limpo: as saídas de ventilação deixaram de lado o formato arredondado, o sistema multimídia tem tela de cinco polegadas (como opcional, está disponível um dispositivo com tela de oito polegadas), os controles de ar-condicionado estão mais baixos, entre outras alterações. Já o espaço da cabine é 2,5cm maior do que o disponível em seu antecessor, com direito a quase 3cm a mais de espaço para as pernas no banco traseiro.

volkswagen-tiguan-3.jpeg volkswagen-tiguan-3.jpeg

volkswagen-tiguan-3.jpeg (/)

Mesmo com todas essas novidades, é provável que as mudanças mais marcantes estejam na parte de segurança. Agora, o Tiguan conta com um sistema de capô ativo, acionado automaticamente caso seja detectado um atropelamento. O capô é projetado para cima, de modo que a pessoa pouse no teto do carro, reduzindo o impacto e, principalmente, a chance de lesão craniana. Outros itens de destaque são o sistema de frenagem pós-colisão, frenagem de emergência, monitoramento de pedestres, assistente de manutenção de faixa, controle de cruzeiro adaptativo e sete airbags.

Falando sobre as opções de motorização do renovado SUV, há grande variedade disponível. Quatro delas são de bloco movidos a gasolina, oferecendo entre 125 e 220 cavalos de potência. Também são oferecidos quatro motores movidos a diesel, desenvolvendo entre 115 e 240 cv. Por padrão, o Tiguan tem tração dianteira, mas o sistema 4MOTION de tração integral vem como opcional em algumas versões e como item de série nas opções de topo.

fabricantes fabricantes

fabricantes (/)

A novidade fica por conta de uma versão híbrida plug-in conceitual (inédita para modelos da Volkswagen), a GTE. Ela ainda não será lançada, mas seu protótipo tem características como motorização de 218 cv, autonomia de 50 quilômetros no modo exclusivamente elétrico, média de consumo de combustível de 52,6 km/l, autonomia de até 1000 km e baixa emissão de CO2: 42 g/km.

A chegada do novo Tiguan está prevista para abril de 2016, ao menos no mercado europeu. Países como Estados Unidos e China terão versões com espaço entre-eixos alongado, as quais serão reveladas também no próximo ano.

VEJA MAIS– Galeria: novo Volkswagen Tiguan– VW: 60 anos de Brasil

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Fernando Sobolwsky

    Feio, conservador como tudo da VW.
    Feio, conservador como tudo da marca