Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Mercedes Classe X com seis rodas é alternativa mais barata ao G63 AMG 6X6

“Superpicape” com três eixos foi modificada para aumentar o desempenho off-road. O modelo não é mais fabricado pela empresa alemã

Por Pedro Henrique Oliveira 13 Maio 2021, 20h54
Mercedes-Benz Classe X 350d com seis rodas vista de frente
Modelo Classe X 350d que já não é mais produzido pela fabricante alemã Classic Youngtimers/Divulgação

Uma Mercedes-Benz Classe X com seis rodas poderia ser uma alternativa mais em conta ao G63 AMG 6X6, mas é apenas uma criação exótica vendida recentemente pela Classic Youngtimers, uma revendedora de veículos raros e exóticos holandesa.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90.

A picape era, originalmente, apenas mais um exemplar da versão topo de linha da Mercedes Classe X, a 350d. Mas o seu antigo proprietário decidiu fazer essa transformação radical para não passar desapercebido pelas ruas da Holanda.

Ela estava anunciada por 95.000 euros, aproximadamente R$ 610.000 ao câmbio atual. As Mercedes G63 6X6 produzidas entre 2013 e 2015 podem custar, hoje, mais de R$ 5,5 milhões.

  • A seção traseira do chassi foi a mais modificada para poder receber um eixo extra e, por consequência, outro par de rodas. De acordo com a loja, o veículo não foi montado apenas para exposição, mas sim para ser funcional e poder ser levado ao limite no off-road. 

    Continua após a publicidade
    Mercedes-Benz Classe X vista da caçamba
    A caçamba do modelo foi revestida com protetores metálicos Classic Youngtimers/Divulgação

    Para ter a performance ainda melhor, a suspensão foi elevada em 10 centímetros, garantindo espaço para montar novas rodas de liga leve e pneus off-road. O visual foi inspirado no modelo G63 AMG 6X6 da própria Mercedes, mas a Classe X foi escolhida por ter uma maior praticidade. Como a Classe X já saiu de linha, ainda pode ser mais exclusiva do que a picape do Classe G.

    Mercedes-Benz Classe X 350d visual interno
    Interior da Mercedes-Benz Classe X com o letreiro “6 Wheeler”, adicionado pelo dono Classic Youngtimers/Divulgação

    Outro diferencial da picape é a grade frontal inspirada no desenho “Panamericana”, presente em vários esportivos da AMG. Por conta do novo eixo, a carroceria também foi ampliada e customizada com uma barra de segurança e uma gaiola da Carlex Design. 

    Mercedez-Benz Classe X 350d com seis rodas vista de lado
    A picape passou por transformações profundas na parte traseira do seu chassi para acomodar mais um eixo Classic Youngtimers/Divulgação

    Mesmo com as alterações, a picape continua com o motor 3.0 V6 turbo com 258 cv de potência e 56,1 kgfm de torque, combinado com transmissão automática de sete marchas.

    Vale lembrar que a Mercedes-Benz Classe X foi apresentada oficialmente em julho de 2017 na Europa. Entretanto, o modelo chegou a ser considerado um dos maiores fracassos dos últimos anos da marca alemã. A empresa anunciou, ainda em 2020, que o fim da produção da picape em sua fábrica na Espanha seria em maio do mesmo ano.

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

    Capa Quatro Rodas Abril
    Arte/Quatro Rodas
    Continua após a publicidade
    Publicidade