Clique e assine por apenas 8,90/mês

Mercedes-Benz fará recall global em 1 milhão de veículos

Uma avaria no limitador de corrente pode levar a incêndios – 51 casos já foram registrados no mundo

Por Guilherme Fontana - 6 mar 2017, 16h20

A Mercedes-Benz anunciou um megarecall de 1 milhão de veículos no mundo todo por risco de incêndio. A campanha, que envolve os sedãs CLA, Classe C, Classe E e os SUVs GLA e GLC fabricados entre 2015 e 2017, foi instaurada após 51 veículos serem tomados pelas chamas.

De acordo com a marca, é possível que, após tentativas sem sucesso da partida do motor, seja gerado um incêndio. O problema está no limitador de corrente do motor de arranque, que pode superaquecer, derreter componentes do motor e resultar em fogo. Para corrigir o problema, a fabricante adicionará um fusível extra.

Nos Estados Unidos, onde ocorreram 30 dos 51 incêndios, os proprietários serão notificados ainda este mês, mas os reparos só iniciarão em julho. Todos os veículos em estoque passarão pela correção antes de serem vendidos. A Mercedes-Benz reforça que não há registro de feridos ou mortos.

Ainda não há informações se o recall atingirá unidades comercializadas no Brasil.

 

Continua após a publicidade
Publicidade